Foto: Divulgação

O clima pesou de vez na Universidad de Chile. No último fim de semana, a equipe foi goleada no clássico contra a Universidad Católica por 4 a 0 e caiu para a lanterna do campeonato nacional.

Leia Mais: Expulso em clássico, técnico do Universitario sai sob proteção policial
Ídolo do Peñarol se irrita com brincadeira de torcedor no Instagram

Como se a humilhação contra o rival não fosse o bastante, o técnico Alfredo Arias viu a pressão aumentar consideravelmente e o seu futuro, apesar de quatro jogos na equipe, é incerto.

De acordo com a rádio ADN, após o massacre do fim de semana, o treinador teria procurado a diretoria e pedido demissão, mas durante a conversa com os dirigentes foi removido desta idéia e permanece no cargo.

Publicamente a diretoria da La U não comenta sobre o fato. Internamente, alguns jogadores confirmaram que o comandante estava desnorteado após o baque no clássico e teria entregado o cargo.

Diante de toda essa confusão interna, a Universidad de Chile volta a campo no fim de semana. No domingo, a La U recebe o Curico Unido e precisa dos três pontos de qualquer maneira.