Foto: Reprodução/Footy Headlines

*Por Juliano Rangel

Depois de provocar uma grande revolta de seus torcedores nas redes sociais, na última quinta-feira (10), com a troca da imagem do diabo pela letra “A” em seu escudo, a diretoria do América de Cali levou apenas um dia para repensar a ideia e recolocou a imagem no distintivo do clube.

Leia mais: Presidente da AFA rebate Marcelo Gallardo: “É o técnico ideal para a Argentina”

Universidad Católica confirma a chegada de Edson Puch

Segundo o comunicado divulgado na última sexta-feira (11) pela diretoria do clube, “o escudo ‘edição especial’ será exclusivo do novo uniforme”, que foi apresentado na última quinta-feira.

De acordo com o presidente do clube, Ricardo Perez, a mudança representava uma “volta” ao ano de 1979, quando o clube conquistou seu primeiro título colombiano.

No mesmo dia, grande parte da torcida criou a hashtag #ElDiabloNoSeToca nas redes sociais para protestar contra a substituição da imagem pela letra. A figura do diabo segurando um tridente vem sendo apresentada nos uniformes do América de Cali há mais de 40 anos.

Em 2008, a diretoria chegou a retirar a imagem, mas após duas temporadas o diabo e seu tridente voltaram ao escudo do clube que foi fundado no ano de 1927.