o-que-midia-chilena-falou-sobre-goleada-do-vasco-na-pre-libertadores-Futebol-Latino-01-02
Foto: Carlo Gregório Jr./Vasco.com.br

*Equipe Odds Shark

Passada a crise política, o Vasco da Gama começa a se acertar no campo de jogo. O time passou por cima da Universidad de Concepción e do Jorge Wilstermann para chegar ao grupo 5, que tem Cruzeiro e Racing, além do oponente de logo mais, a Universidad de Chile. Confira o prognóstico da peleja, segundo o Oddsshark.com.

Histórico

Vasco e Universidad de Chile nunca se encontraram pela Taça Libertadores da América. No entanto, o histórico do Gigante da Colina contra equipes chilenas já teve sete capítulos.

O primeiro deles aconteceu em 1948, pelo torneio que deu origem à Libertadores. Em Santiago, Vasco e Colo Colo ficaram no 1 a 1. Em 1990, eles empataram duas vezes pelas oitavas de final: 0 a 0 no Brasil e 3 a 3 no Chile. Os alvinegros eliminaram o Cacique nos pênaltis.

Contra a Universidad de Concepción foram quatro embates, já incluindo os deste ano: os cariocas sempre venceram: 3 a 1 e 1 a 0, em 2001; e 4 a 0 e 2 a 0, recentemente.

Universidad Católica confiante

A Universidad Católica montou um elenco capaz de brigar pelo título da América do Sul. Pelo menos esta é a opinião de dirigentes, jogadores e até do treinador Ángel Hoyos.

O clube estreou com derrota na primeira divisão do Campeonato Chileno para a Unión Española (2 a 1). Depois, emplacou quatro vitórias seguidas sobre Deportes Iquique (2 a 1), San Luis (3 a 0), Deportes Temuco (1 a 0) e Antofagasta (2 a 0) e subiu para o segundo lugar. A Universidad Católica mantém a ponta com cem por cento de aproveitamento.

O veterano volante David Pizarro confessou à imprensa que esta deve ser sua última Libertadores. A idade avançada faz com que ele cogite a aposentadoria no final do ano.

Em busca de títulos

Passada a lambança política, o Vasco pôde se concentrar no campo desportivo. Suas formações de basquete e futebol começaram a ganhar duelos importantes, a natação subiu em vários pódios e o levantamento de peso já produziu medalhistas de ouro.

Para focarmos no velho esporte bretão, o Trem Bala pretende brigar pela classificação às oitavas de final da Taça Libertadores. Para perseguir esta meta, nada melhor do que superar a Universidad de Chile em sua morada. O Bacalhau caiu numa chave que só tem adversários tradicionais, do porte de Cruzeiro, Racing e a própria “La U”.

Os comandados de Zé Ricardo não querem apenas a contenda continental. A força máxima foi utilizada contra o Madureira no sábado. Afinal, o Vasco tenta evitar o bicampeonato estadual do arquirrival Flamengo.

Possíveis escalações:

Vasco da Gama: Martín Silva; Yago Pikachu, Paulão, Ricardo e Henrique; Desábato, Wellington, Wagner, Evander e Paulinho; Andrés Ríos. Técnico: Zé Ricardo.

Universidad de Chile: Johnny Herrera; Christian Vilches, Rodrigo Echeverría e Gonzalo Jara; Lorenzo Reyes, David Pizarro, Franz Schultz e Jean Beausejour; Nicolás Guerra, Yeferson Soteldo e Mauricio Pinilla. Técnico: Ángel Hoyos.

Palpite:

O caldeirão deverá estar lotado e fervendo para cozinhar os chilenos. Por isso, creio em Vasco 1 a 0 e R$ 1,81 / um na minha conta, segundo o Oddsshark.com.

O empate rende R$ 3,50 / um e a zebra forasteira está cotada a R$ 5,25 / um.

Outras opções de apostas (segundo o Oddsshark.com):

Hipótese dupla: Universidad de Chile ou empate: R$ 2,05 para um.

Hipótese dupla: Vasco da Gama ou empate: R$ 1,16 para um.

Hipótese dupla: um vencedor: R$ 1,32 para um.

Teremos mais de 2,5 gols no jogo? Sim, R$ 2,06 / um; ou não R$ 1,85 / um.

Outros jogos

Mais cedo, às 19h15, Atlético Tucumán e Libertad estreiam na competição. Os argentinos devem ganhar.

Abrindo a segunda rodada, às 21h30, o Cerro Porteño deve se impor sobre o Defensor, em Assunção.

Leia mais em Futebol Latino.

4ª Fase, 1ª rodada:

19h15: (R$ 2,31) Atlético Tucumán x Libertad (R$ 3,51) (Empate R$ 3,20)

21h30: (R$ 1,81) Vasco da Gama x Universidad de Chile (R$ 5,25) (Empate R$ 3,50)

2ª rodada:

Terça-feira, 13 de março:

21h30: (R$ 2,01) Cerro Porteño x Defensor (R$ 4,29) (Empate R$ 3,35)

Classificação:

Grupo 1:

1º Cerro Porteño – 3

2º Grêmio – 1

3º Defensor – 1

4º Monagas – 0

Grupo 2:

1º Nacional-COL – 3

2º Bolívar – 1

3º Delfín – 1

4º Colo Colo – 0

Grupo 3:

1º Atlético Tucumán – 0

1º Libertad – 0

1º Peñarol – 0

1º The Strongest – 0

Grupo 4

1º River Plate – 1

1º Flamengo – 1

1º Emelec – 1

1º Independiente Santa Fé – 1

Grupo 5:

1º Racing – 3

2º Universidad de Chile – 0

2º Vasco da Gama – 0

4º Cruzeiro – 0

Grupo 6:

1º Real Garcilaso – 3

2º Estudiantes – 1

3º Nacional-URU – 1

4º Santos – 0

Grupo 7:

1º Deportivo Lara – 3

2º Corinthians – 1

3º Millonarios – 1

4º Independiente – 0

Grupo 8:

1º Palmeiras – 3

2º Alianza – 1

3º Boca Jrs. – 1

4º Atlético Júnior – 0