*Por Mônica Alvernaz

O clima no Colo-Colo não é dos melhores. Após eliminação da Copa Libertadores, a equipe chilena voltou a tropeçar neste fim de semana e Héctor ‘Tito’ Tapia está ameaçado no comando da equipe.

Leia mais: Em clássico de quatro gols, Racing e Boca Juniors ficam no empate
Rival de Grêmio na Libertadores tem goleiro afastado por lesão

Apesar dos rumores de saída, que ganharam força com comentários de diversos torcedores nas redes sociais, Tapia falou sobre a partida em entrevista coletiva após o jogo diante do Unión Española.

O técnico do Colo-Colo tentou amenizar o resultado de 1 a 1 em casa. “Apesar do empate no último minuto, ficamos com a sensação que podíamos ter ganhado a partida”.

Tapia ainda comentou sobre o fato da equipe ter conciliado duas competições até a recente eliminação na maior competição Sul-Americana. “Uma das principais conquistas, que foi chegar até as quartas de final da Libertadores, nos gerou muito destaque. Lamentavelmente não conseguimos avançar. Poderíamos ter ganhado hoje, mas o gol estava bloqueado”.

Por fim, o comandante do Colo-Colo comentou no que será feito para o próximo desafio da equipe chilena pela competição nacional. “Vamos trabalhar desde a próxima semana para ganhar o O’Higgins e ficarmos mais tranquilos”.

Caso a saída de Tapia venha a ser confirmada, o treinador deixará o Colo-Colo em apenas uma temporada. Vale lembrar que esta é a segunda passagem do técnico pela equipe chilena, a qual comandou em 2014 e 2015 e foi auxiliar no ano de 2013.