Argentina-México-amistoso-Futebol-Latino-2-16-11
Foto: Juano Tesone

Terminadas a Copa América e a Copa de Ouro da CONCACAF, as seleções latinas buscam se classificar para a Copa do Mundo de 2022. Um pouco mais além, elas já sonham também com o título mundial. Nesta primeira data FIFA, os times iniciam seus trabalhos. Chile e Argentina fazem um jogão nos Estados Unidos. Confira abaixo os prognósticos, de acordo com o Oddsshark.com.

 

Histórico

A diferença entre ambos os escretes nacionais é muito ampla. A Argentina tem 61 vitórias, contra apenas oito do Chile, além de 22 empates.

O último confronto foi válido pela Copa América deste ano e terminou 2 a 1 para Messi e companhia.

Apesar de ter ganho as Copas América de 2015 e 2016 em cima da Albiceleste nos pênaltis, o último triunfo chileno sobre seu adversário data de 2008.

Com um histórico impressionante assim, os odds do Spin Sports não têm como não serem afetados.

 

Os Convocados do Chile:

Goleiros: Claudio Bravo (Manchester City/ING), Gabriel Arias (Racing/ARG) e Brayan Cortés (Colo Colo).

Defensores: Paulo Díaz (River Plate/ARG), Óscar Opazo (Colo Colo), Igor Lichnovsky (Cruz Azul/MEX), Sebastián Vegas (Morelia/MEX), José Bizama (Houston Dynamo/EUA), Alfonso Parot (Universidad Católica), Francisco Sierralta (Udinese/ITA), Felipe Campos (Colo Colo) e Guillermo Soto (Palestino).

Meio-Campo: Charles Aránguiz (Bayer Leverkusen/ALE), Felipe Gutiérrez (Sporting Kansas City/EUA), Diego Valdés (Santos/MEX), César Pinares (Universidad Católica), Tomás Alarcón (O’Higgins), Claudio Baeza (Necaxa/MEX) e Jean Meneses (León/MEX).

Atacantes: Alexis Sánchez (Internazionale/ITA), Eduardo Vargas (Tigres de la UANL/MEX), Ángelo Sagal (Juárez/MEX), Diego Rubio (Colorado Rapids/EUA), Ignacio Jeraldino (Audax Italiano) e Christian Bravo (Wanderers/URU).

 

Os Convocados da Argentina

Goleiros: Franco Armani (River Plate), Agustín Marchesín (Porto/POR) e Esteban Andrada (Boca Jrs.).

Defensores: Nicolás Otamendi (Manchester City/ING), Marcos Rojo (Manchester United/ING), Nicolás Tagliafico (Ajax/HOL), Germán Pezzella (Fiorentina/ITA), Gonzalo Montiel (River Plate0< Leonardo Balerdi (Borussia Dortmund/ALE), Nicolás Figal (Independiente) e Lucas Quarta (River Plate).

Meio-Campo: Marcos Acuña (Sporting/POR), Giovani Lo Celso (Tottenham/ING), Lenadro Paredes (Paris Saint-Germain/FRA), Roberto Pereyra (Watford/ING), Rodrigo De Paul (Udinese/ITA), Manuel Lanzini (West Ham/ING), Guido Rodríguez (América/MEX), Exequiel Palacios (River Plate), Matías Zaracho (Racing), Nicolás Domínguez (Vélez Sarsfield), Alexis Mac Allister (Boca Jrs.) e Lucas Ocamposo (Sevilla/ESP).

Atacantes: Paulo Dybala (Juventus/ITA), Lautaro Martínez (Internazionale/ITA), Lucas Alario (Bayer Leverkusen/ALE), Joaquín Correa (Lazio/ITA) e Adolfo Gaich (San Lorenzo).

 

Chile x Argentina

Bicampeão da Copa América em 2015 e 2016 e vice-campeão da Copa das Confederações de 2017, o Chile sequer participou do Mundial de 2018 na Rússia.

Já a Argentina não ganha uma Copa América desde 1993. Este torneio foi seu último título. Nem tendo o melhor jogador do mundo dos últimos anos é capaz de dar uma alegria aos nossos hermanos.

O trabalho para estas duas seleções começa neste amistoso. Ambos querem voltar a ser campeões na Copa América de 2020, participar e brigar pelo título no Catar em 2022.

O Spin Sports traz a Argentina com odds de R$ 11,00 / 1 para ser campeã daqui a três anos. O título do Chile paga bem mais: R$ 51,00 / 1.

 

Palpite

Amistoso, com duas equipes em reconstrução e sem Messi? Eles empatam, o que significam R$ 3,52 / 1, de acordo com o Spin Sports. O triunfo azul e branco está cotado a R$ 1,97 / 1 e o de vermelho está na casa dos R$ 3,75 / 1.

 

Amistosos(odds publicados pelo Spin Sports):

Quinta-feira, 05 de setembro:

07h20: (R$ 1,96) Japão x Paraguai (R$ 3,86) (Empate R$ 3,42)

22h00: (R$ 1,90) Peru x Equador (R$ 4,03) (Empate R$ 3,54)

23h00: (R$ 3,75) Chile x Argentina (R$ 1,97) (Empate R$ 3,52)

 

Sexta-feira, 06 de setembro:

21h30: (R$ 3,09) Estados Unidos x México (R$ 2,31) (Empate R$ 3,32)

22h30: (R$ 1,74) Brasil x Colômbia (R$ 4,54) (Empate R$ 3,71)

 

Apostas Futuras (Outrights) pelo título da Copa do Mundo (segundo o Oddsshark.com):

1º Brasil – R$ 6,50 / 1.

2º Alemanha – R$ 8,00 / 1.

2º Espanha – R$ 8,00 / 1.

2º França – R$ 8,00 / 1.

5º Argentina – R$ 11,00 / 1.

6º Bélgica – R$ 13,00 / 1.

6º Inglaterra – R$ 13,00 / 1.

8º Holanda – R$ 17,00 / 1.

8º Itália – R$ 17,00 / 1.

8º Portugal – R$ 17,00 / 1.

11º Colômbia – R$ 41,00 / 1.

11º Croácia – R$ 41,00 / 1.

11º Uruguai – R$ 41,00 / 1.

14º Chile – R$ 51,00 / 1.

15º México – R$ 67,00 / 1.

16º Dinamarca – R$ 101 / 1.

16º Estados Unidos – R$ 101 / 1.

16º Paraguai – R$ 101 / 1.

16º Sérvia – R$ 101 / 1.

16º Suécia – R$ 101 / 1.

21º Áustria – R$ 151 / 1.

21º Bósnia & Herzegovina – R$ 151 / 1.

21º Catar – R$ 151 / 1.

21º Noruega – R$ 151 / 1.

21º País de Gales – R$ 151 / 1.

21º Polônia – R$ 151 / 1.

21º República Checa – R$ 151 / 1.

21º Rússia – R$ 151 / 1.

21º Suíça – R$ 151 / 1.

21º Turquia – R$ 151 / 1.

21º Ucrânia – R$ 151 / 1.