SHARE
Foto: EFE - Stuart MacFarlane

Contratado a peso de ouro para jogar pelo Arsenal após a Copa do Mundo de 2014, o goleiro David Ospina demonstrou insatisfação por ficar no banco de reservas do time inglês e reclamou com o técnico Arsène Wenger.

Leia Mais: Rival do Corinthians na Sul-Americana contrata artilheiro da Liga MX
Meio-campista venezuelano desperta interesse de rival da Juventus

Durante entrevista coletiva, o comandante revelou um papo com o colombiano e fez questão de acalmá-lo.

“Não foi fácil convencer o Ospina a permanecer no time para essa temporada. Assim como qualquer grande jogador, ele também quer atuar em diversos jogos e fiz questão de ressaltar que vai lutar pela titularidade”.

“No momento o Cech inicia a temporada como titular, mas nada impede de trocarmos no meio do percurso e testarmos o Ospina, que já demonstrou dar conta do recado”, afirmou.

David Ospina chegou no segundo semestre de 2014 e assumiu a vaga de titular sem maiores problemas. Porém, atualmente ele atua em jogos da Champions League e FA Cup.

Ao término da última temporada, alguns clubes sondaram o colombiano, entre eles, Fenerbahçe e Besiktas, mas nenhuma proposta concreta chegou ao jogador para ele acertar a transferência.