SHARE
Foto: Olé Imagens

Autor do primeiro gol do Independiente contra o Flamengo, o atacante Emmanuel Gigliotti vibrou com a vantagem conquistada na final da Copa Sul-Americana. Na visão do jogador, o Rei de Copas precisava vencer o Rubro-Negro de qualquer maneira para ter um pouco mais de tranqüilidade no duelo da volta.

Leia Mais: Bruxo argentino é flagrado em nova vitória do Independiente na Sul-Americana; Confira
Flamengo e Independiente começam a decidir a Copa Sul-Americana

“Nós conquistamos uma vantagem muito importante para a decisão. É difícil jogar no Maracanã e agora podemos trabalhar com a cabeça no lugar”, afirmou.

Em outro ponto da entrevista, o artilheiro fez uma análise do jogo, onde credita ao time uma boa atuação na primeira etapa e uma queda de rendimento nos 45 minutos finais.

“Sofremos um gol logo de cara e tivemos trabalho para virar. O primeiro tempo foi mais intenso e conseguimos encontrar espaços preciosos na defesa do Flamengo. Na etapa final conseguimos a virada e resolvemos nos defender para segurar o placar. Agora é ter a cabeça fria, se conscientizar da situação e tentar sair com o título no Maracanã”.