COMPARTILHE
Gignac-pode-trocar-Tigres-Stoke-City-Futebol-Latino-19-03
Foto: Divulgação/Tigres

De olho no mercado europeu para tentar a reposição da iminente saída de um latino do seu elenco, se o Paris Saint-Germain pensou em algum momento em contar com o atacante do Tigres, Andre-Pierre Gignac, ele pode certamente rever o seu desejo.

Leia mais: Conmebol anuncia novidades para a disputa da Copa América 2019
Rodada da Libertadores tem duelo importante no Peru e brasileiros em campo

Em entrevista de caráter exclusivo concedida pelo avante europeu a revista mexicana Life & Style, Gicnac disse com todas as letras que não faz parte de nenhum dos seus planos assinar algum contrato com o clube da capital francesa independente do valor que lhe for oferecido:

“Prefiro morrer do que assinar com eles. Se o PSG me oferecer 10 vezes mais dinheiro, não iria.”

Com isso, o jogador de 31 anos demonstra que o seu sentimento também está atrelado a ter jogado por muitos anos em um dos rivais nacionais do time de Paris, o Olympique de Marselha. Desde 2010 até 2015, o hoje camisa 10 de um dos principais clubes do México fez 186 jogos e marcou 77 gols.

Além de demonstrar que não tem nenhum desejo de jogar pelo Paris Saint-Germain, Gignac também fez outras interessantes revelações na mesma entrevista.

Dentre os assuntos abordados, a admiração que sempre teve desde a infância pelo ex-jogador e hoje técnico do Real Madrid, Zinedine Zidane, o fato de não acreditar ter chances de voltar a seleção da França pensando na Copa do Mundo de 2018 ou mesmo o fato de que quer sim que seus filhos também se tornem jogadores de futebol também foram pontos bem explorados pelo veículo impresso.