imprensa-argentina-exalta-bastante-empate-obtido-pelo-river-Futebol-Latino-01-03
Foto: Armando Paiva/Raw Image

Depois de defender grandes clubes da América Latina como Peñarol, Universidad de Chile e River Plate além do Benfica (Portugal), o atacante uruguaio Rodrigo Mora usou as suas redes sociais para comunicar que está encerrando sua carreira como jogador aos 31 anos de idade.

Leia mais: Juventus tenta contratação de jovem zagueiro argentino
Novo Borja? Atacante colombiano na mira do Independiente Medellín

A principal justificativa dada pelo agora ex-atleta foram as constantes dores que sente na região do quadril em uma lesão que o incomoda desde 2017. Lesão essa que, desde então, o colocou bem afastado da titularidade da equipe de Núñez e gerou, inclusive, especulações sobre uma possível transferência na atual janela.

O River, através também de suas rede sociais, fez uma postagem em homenagem ao charrua com as seguintes palavras:

“Chegou em 2012 do Uruguai e, com a força dos gols, sacrifício, compromisso e títulos, se colocou no coração de todos os torcedores do River. Obrigado por tudo e até sempre!”

Confira abaixo o comunicado de Rodrigo Mora na íntegra:

“Tenho que viver um dos dias mais tristes de minha vida. O sofrimento e a dor são constantes e já não posso mais. O dia que já não tenho mais que enfrentar a realidade. Já não posso mais seguir jogando futebol. Tenho um nó no peito e uma sensação difícil de explicar. Gostaria de me aposentar de outra maneira. Sei que vem momentos complicados, com muitas decisões para se tomar… mas hoje só QUERO AGRADECER A TODOS. A meu filho, minha família, meus amigos, meus companheiros, corpo técnico, dirigentes, e torcedores por todo o amore apoio que me brindaram sempre.”