COMPARTILHE
Atlético-Tucumán-Independiente-Copa-Sul-Americana-Futebol-Latino-22-08
Foto: Arte Futebol Latino

No Monumental José Fierro, o Atlético Tucumán recebeu o Independiente de venceu por 1 a 0. O gol da vitória veio com o ídolo Luis Rodrígues. Agora, o Decano joga por um empate para avançar. Já o clube de Avellaneda necessita de uma vitória por dois gols de diferença. O duelo da volta acontece dia 12 de setembro, no estádio Libertadores da América.

Leia Mais: Brasil de Pelotas, de virada, consegue importante vitória contra Goiás
Em planejamento para 2018, dois atletas do Internacional vivem situações opostas

O jogo

O encontro argentino começou equilibrado. Enquanto o Tucumán tentava chegar ao ataque com mais força, o Independiente explorava os espaços para surpreender. Mesmo fora de casa, o Rey de Copas quase abriu o placar em bola área. Após falta cruzada da esquerda, a bola desviou no meio da grande área e caiu para Domínguez, que deu de cabeça e acertou a trave de Lucchetti.

A resposta do Tucumán veio aos 15 minutos com um gol anulado. Em chute de fora da área, o atacante Ismael Blanco desviou para o fundo das redes, mas estava em condição irregular.

Melhor em campo, o time da casa teve a chance mais clara na casa dos 22 minutos. Ismael Blanco dividiu com o goleiro e a bola sobrou para Luis Rodríguez. O camisa 7 cabeceou com força e viu Alan Franco evitar o gol praticamente em cima da linha.

Sem conseguir segurar a troca de passes do Tucumán no ataque, o Independiente tinha dificuldades para manter o empate e por pouco não viu Ismael Blanco marcar o gol. O camisa 9 recebeu um belo passe de Luis Rodríguez e não teve a capacidade para mandar a bola no gol.

Em raro momento de brilhantismo no campo de ataque, o Independiente acertou o travessão do rival. Tagliafico driblou o marcador, invadiu a grande área e cruzou rasteiro. A bola achou Togni, que desviou sem querer com a cabeça e carimbou a trave de Lucchetti.

O gol do Tucumán veio aos 43 minutos após jogada trabalhada. Na intermediária, Barbona tocou para Aliendro, que cruzou rasteiro e viu Blanco deixar a bola passar de maneira intencional até chegar aos pés de Luís Rodrígues. O baixinho bateu com raiva e venceu Campaña, 1 a 0.

Segundo Tempo

Com a marcação adiantada, o Independiente chegou com muito perigo no começo da etapa final. O lateral-direito Fabricio Bustos recebeu em boas condições na grande área e chutou cruzado para Lucchetti defender com o pé.

Diferentemente dos primeiros 45 minutos, o Tucumán encontrava dificuldade para sair do campo defensivo e apostava em uma postura mais resguardada.

Enquanto isso, o Independiente se lançava cada vez mais ao ataque. O técnico Ariel Holan colocava jogadores para mexer no sistema ofensivo e buscava o empate a qualquer preço.

Nos minutos finais o time de Avellaneda quase empatou. Leandro Fernández driblou o marcador na lateral da área e chutou forte. A bola cruzou a extensão do gol e o zagueiro do Tucumán tirou o perigo.