atacante-da-selecao-argentina-sofre-dura-lesao-pelo-boca-Futebol-Latino-20-11
Foto: Reprodução/Twitter

O Boca Juniors já se encontra em Madri e iniciou os trabalhos de olho no River Plate. Após as atividades, alguns jogadores conversaram com a imprensa e Dario Benedetto, um dos responsáveis por colocar a equipe na decisão, deu uma declaração no mínimo curiosa.

Leia Mais: Capitão do River Plate manda recado ao elenco do Boca Juniors
Zagueiro Juninho anuncia a aposentadoria do futebol

Se antes o elenco do Boca Juniors não queria jogar no Monumental de Núñez por conta dos acontecimentos, parece que, as vésperas da partida o discurso mudou.

“É muito lindo estar aqui (Espanha), mas deixo claro que gostaria de jogar no Monumental. Não só eu, o nosso elenco era a favor de disputar o título na casa do rival. Ter a necessidade de jogar em outro país por conta da nossa incapacidade é muito ruim. Somos uma vergonha como país. É isso que nós somos”, afirmou.

“Quando saiu que poderíamos jogar em Madri, Doha e não sei onde, pensei que era loucura. Nos tiraram o direito de jogar na casa do River. Nossa intenção sempre foi decidir no Monumental”, completou.

Por fim, Benedetto voltou a bater na tecla que nenhum jogador do River entrou em contado com seus companheiros.

“Nenhum jogador deles mandou mensagem. Eu não recebi. Fiquei por horas trancado no vestiário e ninguém de lá veio falar nada”.