COMPARTILHE
San-Lorenzo-Lanús-Copa-Libertadores-Futebol-Latino-13-09
Foto: Arte Futebol Latino

Dentro de casa, o San Lorenzo mediu forças contra o Lanús e abriu vantagem no confronto argentino na Libertadores. A vitória por 2 a 0 foi construída com gols do atacante Blandi, que foi o grande destaque do confronto. Agora, o time do Papa avança com um empate ou derrota por um gol de diferença.

Leia Mais: Chapecoense e Flamengo empatam pela Sul-Americana
Sport massacra Ponte Preta na Ilha do Retiro e ameniza crise

O duelo da volta acontece na próxima quinta-feira, às 21h45 (horário de Brasília), no estádio La Fortaleza.

O jogo

Como era esperado, o duelo começou com o San Lorenzo em cima e o Lanús tentando amarrar no meio de campo com faltas táticas.

O primeiro lance de perigo só surgiu aos 20 minutos do primeiro tempo. Com dificuldades de entrar na zaga adversária, o San Lorenzo arriscou de fora da área com Mussis. O camisa 7 encheu o pé e Andrada teve que se esticar todo para evitar o gol.

Se o time da casa encontrava dificuldades, o Lanús aproveitava suas poucas chances para incomodar. Em cobrança de lateral, Sandi ajeitou e Acosta bateu forte para defesa de Navarro em dois tempos.

Aos 33 minutos o primeiro tento do jogo. Após passe fantástico de Mercier, Blandi driblou Braghieri e bateu na saída de Andrada, 1 a 0 e muita festa nas arquibancadas do Nuevo Gasômetro.

Segundo Tempo

Logo aos 5 minutos o San Lorenzo ampliou. Após pênalti infantil de José Gomez em Blandi, o próprio camisa 9 chamou a responsabilidade e bateu firme, no meio do gol para ampliar, 2 a 0.

O gol do time da casa acabou diminuindo o ritmo da partida e o San Lorenzo apenas administrava o resultado. Em raro momento de lucidez, o Lanús quase descontou com Sandi. O centroavante recebeu passe de Martínez na grande área e bateu forte, mas Navarro defendeu com o pé.

No fim, o San Lorenzo apenas administrou o resultado e segurou a importante vantagem de dois gols de diferença contra o rival loca.