Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no print
Print

Boca Juniors, em confusa negociação, comprará direitos de Ábila

LDU-Boca-Juniors-Copa-Libertadores-Futebol-Latino-21-08
Foto: Divulgação/Conmebol

Apesar de só passar a ter mais espaço na atual temporada após a saída de Darío Benedetto, o atacante Ramón Ábila parece estar com moral mediante a comissão técnica do Boca Juniors. Tanto é que, segundo informação do famoso jornal argentino Olé, a equipe exercerá seu direito de compra junto ao Huracán que estava fixado para ocorrer desde a chegada do atleta proveniente do Cruzeiro.

Leia mais: Saiba a data de estreia de Diego Maradona no comando do Gimnasia La Plata
No Uruguai, equipe cria camiseta com ondas sonoras de sua torcida

Na época que o Boca se ofereceu a pagar a quantia que o clube brasileiro não havia quitado junto a entidade de Parque Patricio (restavam 1,6 milhão de dólares (R$ 5 milhões à época)) e emprestou Alexis Messidoro ao Cruzeiro, o Azul y Oro se tornou o detentor de metade dos direitos de Wanchope.

Entretanto, é aí que a situação fica um tanto quanto confusa principalmente pensando em quais são os valores que o clube Xeneize efetivamente irá investir.

O Huracán indicou que haveria o acordo de prioridade de compra dos outros 50% válido até 31 de janeiro de 2020 tinha como valor 4 milhões de dólares (R$ 16,3 milhões na atualidade). E, em caso do clube ter o interesse em negociar o mesmo, metade do valor lucrado iria para o Huracán.

Todavia, um veículo responsável por informações do próprio clube Quemero, o Por Siempre Globo, apurou que a quantia seria, na verdade, de 1,95 milhão de dólares (R$ 7,9 milhões), sendo esse o valor acordado em contrato. Algo que indica uma espécie de informações desencontradas entre o “acordo de cavalheiros” e o que estava efetivamente no papel.

Com isso, ao invés de pagar oito milhões de dólares (R$ 32,6 milhões), valor imaginado originalmente pelo passe de Ábila, o Boca terá pago US$ 3,55 milhões (R$ 14,5 milhões) pagos em duas vezes.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Futebol Latino 2019