COMPARTILHE
Botafogo-Grêmio-Copa-Libertadores-Futebol-Latino-13-09
Foto: Arte Futebol Latino

Em duelo de grande expectativa realizado no Rio de Janeiro, mais precisamente no Estádio Nilton Santos, Botafogo e Grêmio não conseguiram superar os arqueiros e o marcador final foi de 0 a 0.

Leia mais: Blandi brilha e San Lorenzo abre vantagem contra Lanús
Sport massacra Ponte Preta na Ilha do Retiro e ameniza crise

A partida começou como já se esperava: Com um nível de equilíbrio em praticamente todos os aspectos e com os dois lados tentando utilizar a sua agilidade na retomada da posse de bola visando sempre encontrar o adversário mal-posicionado.

Apesar do tom inicial de equilíbrio, os primeiros 45 minutos deram a impressão de que o Grêmio esteve mais efetivo no aspecto principalmente de encontrar os espaços na defesa botafoguense. Por outro lado, quando os cariocas tentavam acelerar um pouco mais o jogo, a marcação justa do time gaúcho ou mesmo seguidos erros de passes prejudicaram os donos da casa.

Com poucas finalizações que fizeram efetivamente trabalhar Gatito Fernández e Marcelo Grohe, o lance que levou maior perigo por parte dos botafoguenses veio aos 30 minutos. Após cruzamento na área, o volante Bruno Silva conseguiu chutar de perna esquerda e a bola passou rente a trave esquerda do clube de Porto Alegre.

Já por parte do Tricolor Gaúcho, foi também um volante que quase fez o primeiro zero sair do marcador no Nilton Santos. Após passar de três adversários, Arthur chutou forte e fez Gatito espalmar uma bola difícil para escanteio.

A etapa complementar era praticamente um “espelho” do que ocorreu na etapa inicial, porém com um Botafogo ligeiramente mais ativo. Tanto é que, já aos 19 minutos, o Fogão chegou com perigo em chute de Roger graças a um corte mal-feito pelo lateral gremista Bruno Cortez.

As duas equipes tiveram oportunidades ainda mais claras com Fernandinho (corte quase em cima da linha do zagueiro Joel Carli) e em dois chutes de Roger que passaram a esquerda de Grohe. E, como ninguém conseguiu balançar as redes do oponente, o duelo acabou como começou: 0 a 0.

Com esse resultado, um empate com gols favorece o Botafogo assim como um novo 0 a 0 leva a disputa para as penalidades e qualquer vitória simples serve para Botafogo como para o Grêmio.