SHARE
Brasil-Chile-Eliminatórias-Futebol-Latino-10-10
Foto: Arte Futebol Latino

*Alex Dias – Colaborador do Futebol Latino

Não foi uma atuação de grande destaque, mas mesmo assim, a seleção brasileira venceu o Chile com muita facilidade, nesta terça-feira no estádio do Palmeiras por 3 a 0 e se despediu com vitórias das Eliminatórias para Copa do Mundo Rússia 2018. Os gols foram marcados por Paulinho e Gabriel Jesus duas vezes.

Com o resultado, a seleção canarinho ampliou a pontuação e a vantagem diante dos adversários na tabela das Eliminatórias Sul-Americana. Já os chilenos, além de amargar a derrota, ficarão de fora do próximo Mundial.

O jogo

Os chilenos começaram assustando. No lance, após um cruzamento que saiu da direita, Vargas se adiantou à marcação e cabeceou com perigo. Bem colocado, Ederson fez a defesa e evitou o gol.

A primeira boa chance do Brasil, aconteceu aos 6 minutos. Em mais uma jogada de cruzamento para a área, a defesa chilena afastou mal. Na sequência, Gabriel Jesus ficou com o rebote e rolou na medida para Renato Augusto, que, da entrada da área bateu colocado, mas mandou para fora.

Os defensores chilenos continuavam batendo cabeça. Na bobeira na saída de bola do Chile, Gabriel Jesus recebeu totalmente livre, tocou na medida para Neymar. Na sequência, o camisa 10 dominou e bateu de esquerda para a defesa de Bravo.

A última grande jogada da primeira etapa aconteceu quando Renato Augusto cruzou pela esquerda e Gabriel Jesus apareceu nas costas da marcação, mas a cabeçada do camisa 9 foi em cima do goleiro Claudio Bravo.

Segundo tempo

Na segunda etapa o Brasil começou melhor. Sempre com jogadas perigosas e se mantendo no campo de ataque, a seleção conseguia pressionar os chilenos. E não demorou muito para marcar o primeiro gol.

Aos 9 minutos, Daniel Alves cobrou falta de muito longe, mesmo assim Bravo acabou batendo roupa e Paulinho ficou com o rebote e com o gol livre apenas empurrou para o gol para deixar o Brasil na frente.

O gol abalou o Chile, que sofreu o segundo gol 2 minutos depois. Na jogada, a porteira abriu quando Coutinho roubou a bola ainda na defesa e armou um contra-ataque. Na sequência, o meia acertou um belo lançamento para Neymar, que só dominou e rolou na medida para Gabriel Jesus colocar no fundo das redes e ampliar a vantagem.

Os gols abalaram a seleção chilena, que parou de jogar futebol e abusou das faltas. Somente nos minutos finais, o Chile tentou reagir, mas já era tarde. Para deixar a derrota ainda mais amarga, veio o terceiro gol. Jogando no tudo ou nada, Claudio Bravo correu para a área no escanteio, mas o Brasil afastou o perigo quando Willian ficou com o rebote e chutou para frente. Na sequência Gabriel Jesus partiu antes do meio de campo e entrou com bola e tudo sem chances para Bravo que na corrida, não conseguiu alcançá-lo.

Com o apito final, o Brasil disparou na liderança e atingiu um nove recorde de pontuação nas eliminatórias. Já os chilenos se despediram de forma melancólica e ficarão de fora da Copa do Mundo na Rússia em 2018.