Brasil-Peru-Copa-America-Futebol-Latino-07-07
Foto: Raul Arboleda/AFP

Em julho, Brasil e Peru decidiram a Copa América no Maracanã e o escrete pentacampeão mundial voltar a sorrir no torneio continental. Agora, ambas as esquadras se preparam para as Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022 e testam seus jogadores neste amistoso nos Estados Unidos. Confira abaixo as últimas informações e os prognósticos, de acordo com o Oddsshark.com.

 

Histórico

Desde 1936, a seleção Inca só ganhou da Canarinho em quatro oportunidades, sendo a última em 2016. O Brasil venceu 33 jogos e aconteceram nove empates.

As últimas pelejas entre estes dois países foram válidas pela Copa América deste ano. Na primeira fase, a Verde e Amarelo goleou por 5 a 0. Na grande final, os brazucas voltaram a prevalecer: 3 a 1.

Confira outras estatísticas no Spin Sports.

 

Os Convocados do Peru:

Goleiros: Pedro Gallese (Alianza), Carlos Cáceda (Melgar) e Patricio Álvarez (Sporting Cristal).

Defensores: Luis Advíncula (Rayo Vallecano/ESP), Carlos Zambrano (Dínamo de Kiev/UCR), Miguel Trauco (Saint-Étienne/FRA), Aldo Corzo (Universitario), Luis Abram (Vélez Sarsfield/ARG), Alexander Callens (New York City/EUA), Anderson Santamaría (Atlas/MEX) e Marcos López (San Jose Earthquakes/EUA).

Meio-Campo: Yoshimar Yotún (Cruz Azul/MEX), Christian Cueva (Santos/BRA), Josepmir Ballón (Universidad de Concepción/CHL), Renato Tapia (Feyenoord/HOL), Edison Flores (Morelia/MEX), Carlos Ascues (Orlando City/EUA), Pedro Aquino (León/MEX) e Christofer Gonzáles (Sporting Cristal).

Atacantes: André Carrillo (Al Hilal/KSA), Raúl Ruidíaz (Seattle Sounders/EUA), Yordy Reyna (Vancouver Whitecaps/CAN), Gabriel Costa (Colo Colo/CHL) e Kevin Quevedo (Alianza).

 

Os Convocados do Brasil

Goleiros: Ederson (Manchester City/ING), Weverton (Palmeiras) e Ivan (Ponte Preta).

Defensores: Dani Alves (São Paulo), Thiago Silva (Paris Saint-Germain/FRA), Marquinhos (Paris Saint-Germain/FRA), Alex Sandro (Juventus/ITA), Fagner (Corinthians), Éder Militão (Real Madrid/ESP), Jorge (Santos) e Samir (Udinese/ITA).

Meio-Campo: Philippe Coutinho (Bayern de Munique/ALE), Casemiro (Real Madrid/ESP), Arthur (Barcelona/ESP), Allan (Napoli/ITA), Fabinho (Liverpool/ING) e Lucas Paquetá (Milan/ITA).

Atacantes: Neymar (Paris Saint-Germain/FRA), Roberto Firmino (Liverpool/ING), Richarlison (Everton/ING), David Neres (Ajax/HOL), Bruno Henrique (Flamengo) e Vinícius Júnior (Real Madrid/ESP).

 

Peru x Brasil

O grande protagonista dos amistosos de setembro da seleção de Tite é Neymar, que ainda não estreou na atual temporada pelo Paris Saint-Germain e que teve sua transferência para outro clube frustrada. O atacante até que teve boa atuação contra a Colômbia mas não foi capaz de evitar o empate em 2 a 2.

Segundo o Spin Sports, um gol do craque ao longo dos noventa minutos representa R$ 2,25 / 1 ao apostador.

 

Palpite

O Peru é fraco e o Brasil ganha com certa tranquilidade, o que vale R$ 1,38 / 1 aos investidores, de acordo com o Spin Sports. O empate paga R$ 4,69 / 1 e a zebra andina gera R$ 8,12 / 1.

 

Amistosos(odds publicados pelo Spin Sports):

Quinta-feira, 05 de setembro:

Chile 0x0 Argentina (R$ 3,28)

Honduras 4×0 Porto Rico (R$ 1,06)

Peru 0x1 Equador (R$ 4,22)

Japão 2×0 Paraguai (R$ 1,90)

 

Sexta-feira, 06 de setembro:

Costa Rica 1×2 Uruguai (R$ 2,09)

Brasil 2×2 Colômbia (R$ 3,90)

Estados Unidos 0x3 México (R$ 2,33)

 

Terça-feira, 10 de setembro:

12h00: (R$ 4,86) Jordânia x Paraguai (R$ 1,75) (Empate R$ 3,54)

21h00: (R$ 1,50) Equador x Bolívia (R$ 6,95) (Empate R$ 3,88)

21h00: (R$ 3,99) Estados Unidos x Uruguai (R$ 1,97) (Empate R$ 3,31)

22h00: (R$ 1,33) Colômbia x Venezuela (R$ 9,67) (Empate R$ 4,89)

22h30: (R$ 1,93) Argentina x México (R$ 4,11) (Empate R$ 3,27)

22h30: (R$ 4,13) Honduras x Chile (R$ 1,89) (Empate R$ 3,48)

 

Quarta-feira, 11 de setembro:

00h30: (R$ 8,12) Peru x Brasil (R$ 1,38) (Empate R$ 4,69)

 

Apostas Futuras (Outrights) pelo título da Copa do Mundo (segundo o Oddsshark.com):

1º Brasil – R$ 6,50 / 1.

2º Alemanha – R$ 8,00 / 1.

2º Espanha – R$ 8,00 / 1.

2º França – R$ 8,00 / 1.

5º Argentina – R$ 11,00 / 1.

6º Bélgica – R$ 13,00 / 1.

6º Inglaterra – R$ 13,00 / 1.

8º Holanda – R$ 17,00 / 1.

8º Itália – R$ 17,00 / 1.

8º Portugal – R$ 17,00 / 1.

11º Colômbia – R$ 41,00 / 1.

11º Croácia – R$ 41,00 / 1.

11º Uruguai – R$ 41,00 / 1.

14º Chile – R$ 51,00 / 1.

15º México – R$ 67,00 / 1.

16º Dinamarca – R$ 101 / 1.

16º Estados Unidos – R$ 101 / 1.

16º Paraguai – R$ 101 / 1.

16º Sérvia – R$ 101 / 1.

16º Suécia – R$ 101 / 1.

21º Áustria – R$ 151 / 1.

21º Bósnia & Herzegovina – R$ 151 / 1.

21º Catar – R$ 151 / 1.

21º Noruega – R$ 151 / 1.

21º País de Gales – R$ 151 / 1.

21º Polônia – R$ 151 / 1.

21º República Checa – R$ 151 / 1.

21º Rússia – R$ 151 / 1.

21º Suíça – R$ 151 / 1.

21º Turquia – R$ 151 / 1.

21º Ucrânia – R$ 151 / 1.