SHARE
Foto: Divulgação

Uma das grandes polêmicas do futebol brasileiro nas últimas semanas, o árbitro de vídeo vem levantando discussões em todo o planeta. Na Coreia do Sul esse recurso tem sido utilizado em diversas as partidas do país, se tornando rotina no futebol local, como destacou o meia-atacante Wanderson, destaque do Pohang Steelers este ano.

Leia Mais: Goleiro Anthony Silva lamentou tropeços do Paraguai no Defensores Del Chaco
Santos tenta retomar a vice-liderança nesta quinta-feira

“Esse recurso tem sido utilizado em todas as rodadas no Campeonato Coreano. É algo que estamos acostumados já, mas, claro, precisa ter discussões mais amplas em relação a isso com todos os envolvidos: jogadores, federações, clubes. Claro que queremos que os resultados sejam justos sempre, mas tem que se ter discussão sobre essa questão para que não se tenha tantas polêmicas”, disse.

Sobre o desempenho da equipe na temporada, Wanderson confia na permanência do Pohang na elite do futebol coreano. “Nossa equipe não se classificou para a segunda fase do Campeonato Coreano. Começamos muito bem a competição, mas não fizemos a reta final que esperávamos. Agora é lutar muito nos seis jogos que faremos para mantermos o Pohang na primeira divisão do país”.

SHARE

A redação do site pioneiro em informações detalhadas a respeito do futebol na América Latina trabalha sempre para unir qualidade e dinamismo a um conceito moderno de jornalismo esportivo.