SHARE
briga-arquibancadas-universidad-de-chile-sob-investigacao-futebol-latino-29-11
Foto: Reprodução/Facebook Club Universidad de Chile

Além de Universidad de Chile e Audax Italiano simplesmente se manterem mais distantes da possibilidade de adentrarem a zona de classificação para os playoffs de vagas pertencentes ao país no Apertura chileno, um problema nas arquibancadas no último domingo (27) pode acabar trazendo mais consequências negativas a La U.

Leia mais: Libertad coloca time titular à disposição da Chapecoense
Morte trágica de Caio Júnior repercute em Portugal

Isso porque, segundo informou nessa terça-feira (29) o jornal La Tercera, o time atualmente dirigido pelo técnico Victor Castañeda teve um incidente onde torcedores de uma organizada do clube de Santiago entraram em conflito com a força policial local no duelo que terminou em um empate em 2 a 2.

O tom do chefe dos Carabineros, como é conhecida a equipe de segurança que entrou em confronto com os torcedores da Universidad de Chile, preferiu adotar uma postura mais cautelosa em relação ao tema:

“Vamos buscar a origem, estabelecer porque se produziu o incidente entre torcedores do mesmo clube. Vamos cruzar as variáveis e saber o quê engatilhou tudo isso. Não tomaremos nenhuma determinação até que tenhamos um diagnóstico.

Quem fez o relato mais detalhado desse incidente além da cobertura televisiva foi o árbitro da partida, Leandro González, que já informou inclusive que a situação já está sob a análise do Comitê Disciplinar do Chile para fazer o julgamento do caso, algo que pode render até mesmo jogar com portões fechados ao El Romántico Viajero.