clima-entre-fbf-e-ex-diretor-da-comissao-de-arbitros-segue-quente-Futebol-Latino-09-05
Foto: EFE

*Por Juliano Rangel

O fraco desempenho apresentado pela seleção boliviana na última Copa América vem dificultado à programação da Federação Boliviana de Futebol (FBF) na hora de marcar os amistosos da equipe para a próxima Data FIFA, em setembro. A situação é tão delicada, que são poucas as seleções que demonstraram interesse em enfrentar os Verdes.

Leia mais: Argentina faz ótimo segundo tempo contra Honduras e consegue o ouro no Pan

No futebol masculino do Pan, bronze fica com o México frente ao Uruguai

Em entrevista ao diário peruano El Bocón, o membro do Comitê Executivo da Federação Boliviana de Futebol, Antonio Decormis, destacou que a queda de rendimento apresentada pela equipe no torneio sul-americano tem sido um grande problema.

“Estamos nos deparando com esse problema. Temos que ser claros e mencionar que os dois rivais que tivemos caíram por causa do desempenho que a nossa seleção teve na Copa América. Há poucos selecionados que querem jogar contra nós”, enfatizou Decormis.

A Federação Boliviana havia marcado dois amistosos contra Colômbia e Costa Rica, mas, posteriormente, as respectivas federações declinaram dos confrontos. Os dirigentes bolivianos já consideram a possibilidade de se buscar um clube internacional para realizar dois amistosos, em solo boliviano, diante das diversas negativas das seleções.

Vale lembrar que na última Copa América, a Bolívia perdeu por 3 a 0 contra o Brasil, por 3 a 1 contra o Peru e por 2 a 0 contra a Venezuela, sendo eliminada na primeira fase do torneio.