COMPARTILHAR
Reprodução: Fox Sports

Liberado pela FIFA para jogar a Copa do Mundo, Paolo Guerrero não conta com a simpatia de todos no mundo da bola. De acordo com o capitão da Suécia, Andreas Granqvist, o atacante sul-americano deveria cumprir a suspensão e ficar fora do torneio na Rússia.

Leia Mais: Lateral Frank Fabra é cortado da seleção colombiana
Francisco Arce assume clube da Arábia Saudita

“Quando o atleta é pego por cocaína no exame antidoping, ele precisa cumprir a pena. Não sei como ele fez para resolver isso. É triste saber que o jogador está livre para atuar”, declarou.

Após a declaração polêmica, o jogador utilizou as redes sociais para voltar atrás no que disse e tentar amenizar o clima.

“Gostaria de deixar claro que os atletas que usam substâncias ilegais não deveriam competir. Paolo não usou nada proibido e está livre para jogar”, escreveu.