COMPARTILHAR
clube-amoroso-de-embaixador-muda-de-divisao-eua-Futebol-Latino-09-12
Foto: Reprodução/Facebook Boca Ratón Football Club

Visando adentrar na liga com maior pompa e investimento dentro da organização do futebol nos Estados Unidos, o Boca Raton resolveu passar por uma profunda reorganização visando o ousado projeto. Porém, apenas no mundo do dia 1° de abril, conhecido mundialmente como o Dia da Mentira.

Leia mais: Estreia de Farfán na Rússia, anima torcedores e imprensa no Peru
Análise FL: Conmebol e sua interminável falta de bom senso

A equipe que conta como figura de maior representatividade no esporte o atacante brasileiro Amoroso, que se divide entre as funções de jogador e embaixador da equipe, fez uma troca “fictícia” em relação ao seu nome e sua filosofia.

Comentando justamente sobre essa nova visão a respeito do futuro do agora Sporting Boca Raton FC United SC, o presidente da franquia, o também brasileiro Douglas Heizer, deu a entender inclusive que enxergava essa atitude como algo que segue a lógica do que sempre foi um parâmetro do clube:

“Nós estamos muito empolgados com o próximo passo da nossa história. Sporting Boca Raton FC United SC é um clube do povo e uma mudança para a MLS seria a coisa mais lógica a se fazer para unir todos os fãs do Sul da Flórida.”

O raciocínio implementado demonstrava uma radical mudança de postura da diretoria do clube estadunidense em relação ao que foi divulgado no início de 2017, em entrevista exclusiva ao Futebol Latino, Amoroso disse que essa iniciativa era algo que, no momento, ainda não fazia parte dos planos:

Logo no dia seguinte, o Boca Raton, através do seu twitter oficial, informou que tudo não passava de uma pegadinha de 1° de abril.

Na atualidade, o Boca Raton disputa tanto a APSL (American Premier Soccer League) como, no mês de maio, vai fazer a sua estreia na North Premier Soccer League (NPSL).