COMPARTILHAR
Foto: AFP

A Libertadores da América acabou para o Junior Barranquilla. Após ser derrotado pelo Palmeiras por 3 a 1 e ver o Boca Juniors massacrar o Alianza Lima, o time colombiano deu adeus ao torneio e ficou com a vaga na Copa Sul-Americana.

Leia Mais: “Nunca duvidamos do Palmeiras”, afirma técnico do Boca Juniors

Na coletiva, o técnico Julio Comensaña não escondeu a decepção e lamentou o segundo tempo, onde a equipe mostrou muitas falhas e foi batida facilmente pelo adversário.

“Foi uma partida agradável para nós no primeiro tempo, pois jogamos bem. No segundo tempo perdemos bolas desnecessárias e isso nos causou muitos problemas, principalmente no sistema defensivo”.

Na visão do comandante, o pênalti perdido por Barrera logo após ter sofrido o primeiro gol, ajudou a derrubar a moral da equipe dentro de campo.

“Erramos uma penalidade no segundo tempo e isso nos derrubou. O segundo tempo foi complicado, pagamos pelo erro e o Palmeiras teve seus méritos para vencer. Acredito que nós colaboramos bastante com essa eliminação”, analisou.

Com a derrota, o Junior Barranquilla encerra na terceira colocação do grupo 8. Agora, a equipe terá a Copa Sul-Americana no segundo semestre, a mesma competição que ano passado chegou até a semifinal.