COMPARTILHE
Foto: mpsportimages

*Por Rodrigo Sturaro

Uma das equipes participantes da próxima Copa Libertadores, o Colo-Colo tem intenção de novamente contar com o meia colombiano Macnelly Torres em seu elenco. Segundo a mídia chilena, a primeira investida para o trazer o jogador foi frustrada, já que Torres pediu um salário bem acima do que era esperado.

Leia mais: Mansão de Carlitos Tévez é invadida por ladrões em Buenos Aires
Mercado da Bola: Conheça boas opções na América do Sul

Um dos ídolos da torcida cacique, o meia colombiano pediu 50 mil dólares mensais (cerca de R$ 165 mil), valor que está fora do estipulado pelos dirigentes chilenos, que pretendem fazer uma contraproposta para o jogador. Além da dificuldade da negociação na parte salarial, não será nada fácil convencer o Atlético Nacional liberar o meia.

Os verdolagas estão na iminência de perder jogadores importantes como Guerra, Borja e Berrio e os dirigentes querem impedir uma debandada ainda maior. Torres, de 32 anos, atuou pelo Colo-Colo entre 2008 e 2011 e com boas atuações acabou conquistado a torcida colocolina.

O time chileno entrará na segunda fase da Copa Libertadores, onde vai encarar o Botafogo. Quem passar deste confronto jogará a terceira fase e só depois, caso vença, ingressará no grupo 1, com Atlético Nacional, Estudiantes e Barcelona.