COMPARTILHAR

Em Nova Jersey, a Colômbia novamente apresentou um bom futebol e conseguiu derrotar a Costa Rica por 3 a 1. Os gols colombianos saíram através de Bacca e Cucho Hernández (2). Enquanto isso, os costarriquenhos marcaram com Watson.

O duelo

A Colômbia iniciou o jogo com o pé no acelerador. Na base da pressão, os cafeteros não davam espaço ao rival e acumulavam chances de gols. Na mais clara, Falcao García, bem colocado na grande área, recebeu um cruzamento na medida e exigiu ótima defesa de Navas.

Melhor em campo, o gol era questão de tempo e veio aos 30 minutos. Após jogada individual, Carlos Bacca deixou a marcação na saudade e bateu sem chances para Kaylor Navas, 1 a 0.

O gol fez a Colômbia diminuir o ritmo e a Costa Rica se animou. Apesar da clara dificuldade para definir as jogadas, o empate veio nos minutos finais. Em levantamento na área, a zaga cafetera bobeou e Watson estufou as redes de Ospina, 1 a 1.

Na etapa final a Colômbia voltou ligada. Assim como no primeiro tempo, o selecionado cafetero tomou conta do meio-campo e não deixava a Costa Rica avançar a marcação. O resultado foi a chance criada por James Rodríguez, que recebeu na entrada da área, limpou a marcação e exigiu bela defesa de Navas.

De tanto pressionar, a Colômbia retomou a vantagem aos 27 minutos. Cucho Hernández, que havia acabado de entrar, aproveitou a bobeira da zaga costarriquenha para balançar a rede, 2 a 1.

Nos minutos finais, quando a Costa Rica tentava dar o abafa pelo empate, a Colômbia encaixou mais um belo lance e Cucho Hernández, mais uma vez balançou a rede de Keylor Navas, 3 a 1.