Colômbia-Bolívia-Sul-Americano-Sub-20-1-Futebol-Latino-21-01
Foto: Reprodução/Gol Caracol

Foi na base da “teimosia”, mas o primeiro gol e a primeira vitória da Colômbia no Sul-Americano Sub-20 finalmente vieram. Graças ao gol de Iván Angulo, atacante recém-contratado por empréstimo pelo Palmeiras junto ao Envigado, os Cafeteros superaram a Bolívia por 1 a 0 em Rancagua.

Leia mais: Ricardinho: Conheça o craque português do futsal que ultrapassou Falcão
Cavani volta a falar sobre a possibilidade de atuar na América do Sul

Primeiro tempo

A impressão nos primeiros dez minutos de partida eram de que os garotos de La Verde não faziam questão de ter a todo momento a bola em seus pés. Porém, quando a tinham, pareciam ser bem mais efetivos na criação de jogada do que os colombianos.

Apesar disso e de ter criado duas oportunidades interessantes para finalizar, a falta de pontaria dos bolivianos acabaram evitando com que um princípio positivo se transformasse em gol.

Depois disso, os Cafeteros parecem ter “acordado” no confronto e tiveram a primeira boa finalização quando Jader Valencia conseguiu girar bem em cima da marcação dentro da grande área, mas chutou na direção do arqueiro Jairo Cuellar.

O time colombiano passou a empilhar oportunidades desperdiçadas com Jader Valencia, Johan Carbonero e Luis Sandoval bastante graças a melhor do desempenho de Yeison Tolosa quando caia pelo lado esquerdo do ataque. Antes do intervalo, o próprio Tolosa teve sua chance de marcar, mas a bola teimou em não entrar ao explodir no travessão boliviano.

Já no último minuto, uma falta que bateu na barreira colombiana ficou viva dentro da grande área dos Cafeteros, mas o atacante Roler Ferrufino bateu cruzado e viu a bola passar na frente da meta de Kevin Mier.

Segundo tempo

Com dez minutos da etapa complementar, o time da Bolívia se salvou mais uma vez de ser vazado graças a trave. Após cruzamento em cobrança de escanteio, o zagueiro Carlos Cuesta testou no canto esquerdo de Jaime Cuellar e viu a bola caprichosamente acertar o pé do poste e se afastar da meta.

Todavia, depois de tamanha insistência, veio a redenção. Quatro minutos após entrar no lugar de Carbonero, Iván Angulo recebeu o passe de Fabio Delgado e, mesmo com a bola fugindo de seu domínio, bateu de pé esquerdo para balançar as redes de Cuellar e marcar o primeiro tento da Colômbia em toda a competição.

Depois do gol, Tolosa ainda teve a oportunidade de marcar o segundo depois de limpar a marcação e ver seu cruzamento ir em direção a meta de Cuellar explodindo no travessão, a terceira no duelo.

Precisando se soltar para ir em busca da igualdade, os dirigidos por Sixto Vizuete encontravam sérias dificuldades. Mas, quando conseguiram clarear para o chute, John García só não fez porque Mier protagonizou uma incrível intervenção aos 36 minutos.