Foto: César Greco/Palmeiras

Na manhã desta terça-feira, Felipão afirmou em coletiva de imprensa no Palmeiras, que a Colômbia insistia em sua contratação. No começo da tarde, a Federação Colombiana, através de post na rede social, rebateu o comandante do Verdão e revelou que ele não faz mais parte dos planos.

Leia Mais: Atlético Nacional na bronca com Jorge Almirón; Entenda
Meia-atacante Wanderson é oficializado no Pohang Steelers

Felipão era um desejo antigo dos dirigentes colombianos. Após a Copa do Mundo da Rússia, José Pékerman, então técnico cafetero, optou por não renovar seu contrato e o brasileiro entrou na mira, mas o seu início de trabalho no Palmeiras impediu que as conversas avançassem.

Após o título do Brasileirão, a diretoria da FCF voltou a procurar o comandante do Palmeiras e apresentou uma oferta, que foi rejeitada por Felipão.

Agora, a seleção colombiana continua firme no propósito de encontrar um novo técnico. Sem sucesso nas negociações, a tendência é que Arturo Reyes seja efetivado e comande o país na Copa América 2019.

Confira o post:

‘A Federação Colombiana de Futebol se permite informar que não está buscando ao treinador Luiz Felipe Scolari para dirigir a seleção nacional. Parabenizamos sua decisão de seguir no Palmeiras, já que aqui não há nenhuma proposta de trabalho’.