SHARE
Foto: Reprodução TV

Grande nome do Boca Juniors e presença constante na seleção da Colômbia, o meia Edwin Cardona pode sofrer uma punição da FIFA por discriminação, devido ao possível ato racista cometido no amistoso contra a Coreia do Sul.

Leia Mais: Análise: O Boca Juniors é o novo Corinthians?
O artilheiro de meia-idade da Libertadores de 2017

No duelo contra a seleção da Ásia, no mês de novembro, o jogador colombiano foi flagrado provocando um coreano ao fazer o gesto de “olho rasgado”, característica comum entre os orientais.

De acordo com o site Futbolred, a FIFA estuda marcar um julgamento e chamar Cardona para prestar esclarecimentos. Caso não fique satisfeita com a justificativa do atleta, a entidade pode punir por cinco partidas.

O presidente da Federação Colombiana de Futebol, Ramón Jesurún, revelou que a FIFA já entrou em contato com ele e confirmou que uma investigação foi instaurada para analisar o ocorrido no amistoso.

Adeus Copa do Mundo?

Ainda não se sabe muito bem quando será o julgamento do Edwin Cardona, mas ao que tudo indica, se ele tomar cinco jogos de punição, ele não irá disputar a Copa do Mundo da Rússia em 2018.

Polêmica Antiga

Em maio deste ano, o argentino Ezequiel Lavezzi, que atua no Hebei Fortune, da China, postou uma foto nas redes sociais com os “olhos rasgados” e gerou muita polêmica no país asiático. Na época, o atleta teve que se retratar e pedir desculpas pelo fato, pois a população chinesa ficou incomodada com a brincadeira.