COMPARTILHAR
guarani-e-junior-barranquilla-fecham-mais-um-integrante-dos-grupos-da-liberta-Futebol-Latino-21-02
Foto: Divulgação/Conmebol

A situação envolvendo o atacante colombiano Yimmi Chará, do Junior Barranquilla, e a possibilidade de ser negociado com o Atlético-MG parece ter saído do ramo da especulação e ganhado tons bem mais sérios nos últimos dias.

Leia mais: “Essa Copa tem tudo para ser a dele”, afirma goleiro brasileiro sobre CR7
Com nova regra, seis times da Ascenso MX não terão direito ao acesso

De acordo com informação veiculada pela emissora cafetera Caracol Radio, resta somente a confirmação do acordo entre as partes via assinatura do contrato para que a transação seja concluída. No mais, todos os termos estão acordados.

Os valores da transação não foram informados, mas o pagamento do time mineiro deve ser em quantia considerável levando em conta que o Junior desembolsou 2,5 milhões de dólares (quase R$ 9,5 milhões) para tirar o atleta do Monterrey em julho de 2017.

Se no aspecto técnico a aquisição pode ser bem interessante para o Galo, no sentido financeiro o clube de Barranquilla tem bastante a ganhar com essa transferência. Isso porque, depois de fazer vultuosos investimentos para trazer nomes de peso como o próprio Chará ou mesmo Teo Gutiérrez, a equipe tenta aliviar os gastos.