Na cidade de Santa Fe, mais precisamente no estádio General Estanislao López, o Junior Barranquilla joga em seus domínios frente ao time do Colón pelas oitavas de final da Copa Sul-Americana. Os colombianos tem vantagem na eliminatória, já que venceram em seus domínios por 1 a 0 no último dia 26 de setembro.

Leia mais: River Plate pode perder meia para clube da MLS
Nos pênaltis, Santa Fe elimina Millonarios na Sul-Americana

A fase dos anfitriões para reverter esse quadro não é em nada positiva. Nos últimos quatro jogos foram três derrotas e nove gols sofridos, fator esse que pode complicar bastante a sua classificação caso sofra um tento no “Cemitério de Elefantes”.

Por outro lado, a situação dos Tiburones parece ser proporcionalmente inversa nos resultados, mas não é bem assim. São duas vitórias e dois empates em quatro compromissos, porém um dos resultados de igualdade (0 a 0 em casa contra o Atlético Nacional) gerou a eliminação na Copa Colômbia.

Nome de maior “fama” dentro do plantel, o centroavante Teo Gutiérrez não é presença certa na partida pelo menos de acordo com as palavras do treinador Julio Comesaña na chegada a Argentina. O Colón, por sua vez, não tem dúvidas de que deve repetir a escalação que utilizou no Metropolitano.