combinacao-confrontos-mundial-de-clubes-2016-sorteada-fifa-futebol-latino-22-09
Foto: Divulgação

*Por Juliano Rangel

O título do Mundial de Clubes conquistado pelo Real Madrid no último sábado (22), colocou o treinador do clube, o argentino Santiago Solari, em uma lista seleta e bem limitada: as dos treinadores que também já foram campeões do torneio intercontinental como jogador.

Leia mais: Técnico do Antofagasta comemora duelo contra o Fluminense na Sul-Americana

Possível novo técnico do Boca se despede da torcida do Huracán

O Futebol Latino preparou a lista completa com os nomes dos vencedores:

LUIS CUBILLAS

O uruguaio, que foi revelado pelo Peñarol ainda na década de 1950, conquistou dois títulos da Copa Intercontinental como jogador. O primeiro veio com o próprio Peñarol em 1961, e o segundo foi com o Nacional em 1971. Como treinador, Cubillas conquistou a competição dirigindo o Olimpia na final de 1979.

JUAN MUJICA

Mais um uruguaio da lista, Juan Mujica, que foi revelado para o futebol pelo Rampla Juniors, conquistou o torneio intercontinental em 1971, vestindo a camisa do Nacional. Como treinador, garantiu a troféu da competição de 1980, quando comandou o Nacional.

CARLOS ANCELOTTI

O italiano, que foi revelado pelo Parma ainda na década de 1970, foi campão mundial de clubes, como jogador, nas edições de 1989 e 1990, ambas defendendo as cores do Milan. Como treinador, Ancelotti já conquistou duas vezes o campeonato. A primeira com o Milan em 2007, e a segunda com o Real Madrid em 2014.

ZINÉDINE ZIDANE

Revelado pelo Cannes na década de 1980, o francês conquistou duas vezes o título da Copa Intercontinental como jogador. A primeira com a Juventus em 1996, e a segunda com o Real Madrid em 2002. Pelo clube espanhol, ele ainda conquistou as edições de 2016 e 2017, atuando como treinador.

SANTIAGO SOLARI

O mais recente treinador incluso nessa lista, o argentino que foi revelado pelo River Plate na década de 1990, conquistou o torneio em 2002, defendo as cores do Real Madrid. O título como treinador, dirigindo a equipe merengue, veio no último sábado (22), após o clube bater o Al-Ain na final por 4 a 1.