SHARE
10-caldeirões-Libertadores-2016-Futebol-Latino-06-01
Foto: Reprodução/Diario Popular

De olho nos estádios mais copeiros das Américas, o Futebol Latino apresenta uma pequena lista com cinco casas onde os adversários tremem só de saber que terão que jogar. A pressão da torcida e o desempenho dos clubes nos últimos anos foram determinantes para escolher os melhores caldeirões. Confira:

Leia Mais: Tijuana é o primeiro mexicano a garantir vaga na Libertadores 2017
Após passar por cirurgia, Valencia promete voltar mais forte ao Manchester United

La Bombonera

O estádio mais conhecido da América do Sul não poderia ficar de fora da lista. A casa do Boca Juniors é temida pela fanática torcida que costuma pressionar o adversário e empurrar a equipe Xeneize para vitórias emblemáticas.

Atanasio Girardot

A casa do atual campeão da Libertadores também pode ser considerada um dos caldeirões do continente. Apesar das arquibancadas não ficarem coladas no gramado, a torcida verdolaga é apaixonada pelo time e a prova da força dentro de casa é a invencibilidade de 18 jogos sem perder em seu território.

Monumental de Santiago

O Colo-Colo pode até não conquistar mais títulos continentais, mas dificilmente perde uma partida dentro do Monumental. Em sua casa, a equipe chilena conquistou a Libertadores de 1991 e se tornou uma das principais forças da América.

Independência

A casa do Atlético-MG é o Mineirão, correto¿ Negativo. Atuando no estádio desde 2012, o Galo voltou a disputar títulos, o que faz da Arena Independência, um a das casas mais copeitas do futebol no continente.

Nemesio Díez

O estádio do Toluca coloca pressão e muito medo nos rivais. Dentro de casa, o time mexicano dificilmente é surpreendido e na Libertadores deste ano ele venceu as quatro partidas que disputou ao lado da torcida. Atualmente, o estádio passa por uma reforma e ficará pronta em fevereiro de 2017.

  • Everton Gouveia

    Parei no “O estádio mais conhecido da América do Sul”, eu sei que o Maracanã não é o estádio onde a torcida mais pressiona ( nem mesmo aqui no Brasil ), mas por outro lado com certeza é o estádio mais conhecido da América do Sul no mundo, só recebeu duas finais de copas do mundo e uma olímpica, se o Maracanã é menos conhecido que a La Bombonera, eu paro de assistir futebol.

  • Pablo Rodrigues

    Faz me rir….