SHARE
Hungria-Costa-Rica-amistoso-Futebol-Latino-14-11
Foto: Arte Futebol Latino

A partida esteve longe de ser um primor em técnica e jogadas mais plásticas, mas, mesmo assim, a Hungria conseguiu ganhar pela vantagem mínima da Costa Rica atuando em Budapeste, mais precisamente na Groupama Arena.

Leia mais: Peru encara Nova Zelândia para acabar com jejum de Copa do Mundo
Austrália e Honduras disputam vaga na Copa do Mundo em Sydney

O primeiro tempo descreveu de maneira fiel o porquê as duas seleções estavam necessitadas de um bom resultado, já que diversos erros e poucos nos passes e lances ofensivos deixaram a primeira etapa em um ritmo pouco atrativo.

Foi justamente no primeiro momento onde uma das equipes levou perigo a meta do adversário que o grito de gol saiu da garganta do torcedor local. Aos 37 minutos, Roland Ugrai bateu falta e contou com o desvio providencial de Nemanja Nikolic para tirar completamente Leonel Moreira do lance e balançar as redes costarriquenhas.

O gol deu uma animação maior ao sistema ofensivo dos europeus, mas a pontaria precária acabou sendo uma grande inimiga para que os húngaros aumentassem a dianteira.

Na volta do intervalo, as bolas aéreas acabaram, mesmo que de maneira esparsa, “maquiando” um pouco a repetição da falta de criatividade que ocorreu nos primeiros 45 minutos. Enquanto uma cobrança de escanteio quase se tornou um gol olímpico da Hungria evitado com um soco de Moreira, um escanteio cobrado no ataque dos Ticos teve a cabeçada forte de Jose Ortiz, mas no meio do gol para ser defendida por Denes Dibusz.

A melhor oportunidade para os latinos veio 27 minutos quando, de muito longe, Bryan Oviedo arriscou e acertou uma bela finalização que foi espalmada de maneira brilhante por Dibusz.

No mais, a situação não se alterou e o placar acabou, mesmo sem convencer, favorável aos anfitriões.

Revés no Reino Unido

Pais-de-Gales-Panamá-amistoso-Futebol-Latino-14-11
Foto: Arte Futebol Latino

Quem também não teve boa sorte atuando no Velho Continente foi a seleção do Panamá, sendo derrotada pelo País de Gales por 1 a 0 em Cardiff.

Mesmo sem contar com o seu grande astro Gareth Bale, do Real Madrid, os galeses tiveram uma ótima oportunidade em penalidade a ser cobrada por Sam Vokes. Porém, o arqueiro latino Marco Penedo evitou o tento dos anfitriões.

Mas, aos 30 minutos do segundo tempo, não houve escapatória. Através da assistência de Neil Taylor, Thomas Lawrence conferiu o único tento da partida.