COMPARTILHAR
defensor-tenta-estabelecer-sequencia-contra-o-lanterna-do-grupo-1-Futebol-Latino-16-04
Foto: Norberto Duarte/AFP

Para não ficarem preocupados com um teoricamente improvável tropeço do Grêmio diante do Monagas na Venezuela pelo Grupo 1 da Libertadores, Defensor e Cerro Porteño amanhã (15) às 19h15 sabem muito bem como será valioso sair do estádio Luiz Franzini com os três pontos.

Leia mais: Adversária do Brasil na Copa, Costa Rica também anuncia sua convocação
Lateral brasileiro pode trocar a França pelo Barcelona

Do ponto de vista dos visitantes paraguaios, vencer seria ainda mais significativo. Com sete pontos em quatro partidas, o Cerro tem três de dianteira para o clube Violeta, praticamente sacramentando a vaga nas oitavas com um triunfo na capital uruguaia.

Por outro lado, a grande chance do Defensor está justamente calcada em ganhar do Ciclón del Barrio Obrero para encostar no número de pontos e carregar a definição da chave para a rodada derradeira. Na oportunidade, enquanto os charruas vão a Porto Alegre duelar contra o Grêmio, o Cerro receberá em Assunção o Monagas.

O clima para o embate é de mistério no Defensor, com direito a treinamento de portas fechadas nessa manhã e poucos indícios de qual seria a equipe titular da próxima terça-feira.

Já do lado visitante a empolgação é máxima e com motivo muito simples: No último final de semana, pelo Apertura local, o Cerro Porteño superou o arquirrival Olimpia no grande clássico paraguaio por 1 a 0, gol de Juan Escobar já aos 38 minutos do segundo tempo.