Foto: Divulgação/Concacaf

*Por Vinicius Fernandes

Chegou ao fim a primeira fase do Pré-Olímpico da Concacaf, definindo as seleções que seguem na briga por um lugar nas Olimpíadas de Tóquio, no ano que vem.

Leia mais: Alajuelense detona invencibilidade do Herediano e pula para a ponta na Costa Rica
México esbarra na trave, na defesa do Panamá e empata sem gols

No Grupo A, uma surpresa. São Cristóvão e Névis goleou Dominica, por 4 a 0, empatou contra a Jamaica, por 1 a 1, e ficou com a primeira posição, beneficiado pelo empate inesperado, também por 1 a 1, entre jamaicanos e dominiquenses. A Guiana desistiu de participar.

No Grupo B, Barbados fez 1 a 0 em Cuba e 5 a 0 nas Ilhas Virgens, garantindo o primeiro lugar, já que Trinidad e Tobago resolveu ficar de fora. Na abertura, o selecionado cubano havia feito 3 a 2 nos virginenses.

No Grupo C, sem o desistente Suriname, o Haiti foi o primeiro colocado, vencendo Grenada por 2 a 0 e empatando por 2 a 2 com as Ilhas Cayman, que perderam por 1 a 0 para Grenada.

No Grupo D, único com quatro participantes, a República Dominicana acabou na liderança. Fez 3 a 1 em Santa Lúcia, 4 a 0 em Antígua e Barbuda e 2 a 1 em Porto Rico.

Na Zona Central, em confrontos mata-mata, Honduras desclassificou a Nicarágua (2 x 0 e 3 x 0), a Costa Rica eliminou a Guatemala (3 x 0 e 0 x 2) e El Salvador deixou o Panamá pelo caminho (1 x 1 e 2 x 0).

Agora, na próxima sexta-feira (2), acontece a segunda fase da Zona do Caribe, com São Cristóvão e Névis x República Dominicana e Barbados x Haiti.

A fase final, de 3 a 15 de outubro deste ano, terá Estados Unidos, México, Canadá, Honduras, Costa Rica (sede), El Salvador e os dois vencedores do Caribe brigando pelas duas vagas da Concacaf.