destaque-no-sub-20-do-uruguai-em-2017-vai-jogar-na-mls-Futebol-Latino-11-02
Foto: Divulgação/Vancouver Whitecaps

O jovem atacante uruguaio Joaquín Ardaiz, de apenas 20 anos de idade, está de volta ao continente.

Leia mais: Macará e Guabirá encerram a terça-feira da Sul-Americana
Após nova indisciplina, Centurión é afastado do elenco do Racing

Revelado pelo Danubio e após passagens por equipes europeias como Royal Antwerp (Bélgica), Frosinone (Itália) e FC Chiasso (Suíça), ele foi contratado por empréstimo junto aos suíços pelo Vancouver Whitecaps com validade por um ano. O time do Canadá também tem a opção de adquirir em definitivo os direitos do atacante.

Pela pouca idade, Ardaiz pode ser incluso em uma das vagas descritas no regulamento da Major League Soccer como Young Designated Player, orçamento destinado a contratação de jogadores com potencial podendo oferecer valores salariais acima do teto permitido pela liga.

O último grande momento na carreira do atacante aconteceu no Sul-Americano Sub-20 de 2017, realizado no Equador e tendo a Celeste como campeã. Isso porque, com os dois gols que marcou na última rodada do Hexagonal decisivo frente aos anfitriões, ele foi vital para a conquista uruguaia.

Não a toa, além de chegar a ser especulado por gigantes como Barcelona (Espanha) e Inter de Milão (Itália) logo depois do Sul-Americano, ele foi uma das 100 escolhas do conceituado veículo italiano Tuttosport para concorrer ao tradicional prêmio Golden Boy, reservado as maiores promessas do mundo da bola.