Ao contrário do que ocorreu na manhã desse domingo (24), onde o desesperado para sair do Z4 São Paulo ficou no empate em 1 a 1 com o líder do Brasileirão, o Corinthians, The Strongest e Bolívar brigam ponto a ponto para ficarem cada vez mais próximo do ponteiro Jorge Wilstermann no Clausura boliviano.

Leia mais: CRB perde de virada e ABC soma mais uma derrota na Série B
Inter insiste e vence Náutico para se manter na ponta da Série B

Com 14 pontos e a três do time de Cochabamba, o clube celeste é aquele que tem maiores possibilidades de colocar “pressão” no Aviador, já que, mesmo com uma vitória, o Tigre, mandante do duelo de hoje no Estádio Hernando Siles, só chegaria a 15 unidades.

Duas dúvidas principais se abatem sobre como o Bolívar deve iniciar a partida, estando elas entre Edemir Rodríguez ou Oscar Ribera para a lateral-direita e Juan Eduardo Fierro ou Willian Ferreira no ataque com Juan Carlos Arce e Marcos Riquelme formando o tridente ofensivo.

Já para o time Aurinegro de La Paz, Pablo Escobar não tem inicialmente condições de jogar o duelo todo, podendo provavelmente ser escalado para o banco de reservas. Sendo assim, o jovem Henry Vaca tem boas possibilidades de começar no 11 inicial:

Prováveis escalações:

The Strongest: Daniel Vaca; Diego Bejarano, Gabriel Valverde, Luis Maldonado, Fernando Marteli e Marvin Bejarano; Wálter Veizaga, Raúl Castro, Alejandro Chumacero e Henry Vaca (Pablo Escobar); Matías Alonso.

Técnico: Daniel Farías.

Bolívar: Matías Dituro; Óscar Ribera (Edemir Rodríguez), Ronald Raldes, Luis Gutiérrez e Leonel Morales; Leonel Justiniano, Pedro Azogue e Leandro Maygua; Juan Carlos Arce, Marcos Riquelme e Juan Eduardo Fierro.

Técnico: Beñat San José.

O post Dia de clássico também na Bolívia com aspirações semelhantes apareceu primeiro em Futebol Latino.