Foto: Divulgação

Após o terceiro lugar na Copa América, muito tem se especulado sobre a continuidade de Lionel Scaloni na seleção argentina. Sem o comando que muitos imaginam, o jovem treinador foi alvo de críticas ao longo da competição, principalmente por deixar Paolo Dybala no banco.

Leia Mais: Goleiro do Peru dispara contra Vargas: “Quis tirar um sarro da minha cara”
Meia brasileiro volta das férias falando sobre encontro com Benzema

Apesar dos questionamentos em torno do seu trabalho, pelo menos na AFA a história parece ser outra. César Luis Menotti, grande nome do futebol local e dirigente da seleção, garante que Scaloni é o cara certo para continuar no cargo.

“Atendeu as expectativas e estamos de acordo com a sua permanência. Fiz uma reunião com o Tapia (presidente da AFA) para analisar os próximos passos e acreditamos que Tapia é a pessoa certa para ficar à frente da seleção”, declarou ao Diário Popular.

A declaração cai como uma verdadeira bomba no futebol local. Muitos davam como certa a chegada de um treinador experiente e que pudesse colocar a casa em ordem.

Internamente, mesmo sem conquistar o título, a visão dentro da AFA é que Scaloni teve um início ruim, mas ajeitou o time a partir do terceiro jogo e a evolução do seu trabalho está no jogo contra o Brasil, quando a Argentina pressionou o time da casa e jogou melhor em grande parte do jogo.