COMPARTILHE
Foto: AFP

Em 4º lugar nas Eliminatórias e com o moral alto após vencer o Uruguai dentro de casa, o Chile encara a Argentina, na La Bombonera em março de 2017. Apesar da mística da casa do Boca Juniors, o goleiro Claudio Bravo deixou claro que não tem medo do estádio escolhido para o confronto e deixou claro que a La Roja só pensa na vitória.

Leia Mais: America de Cali anuncia renovação com atacante argentino
Johnny Herrera pode deixar a Universidad de Chile em janeiro

“Será uma partida muito especial para nosso time por conta das últimas decisões contra eles (Argentina). A rivalidade cresceu muito e será um reencontro muito especial com alguns companheiros e ex-companheiros de clube. Todo jogador de futebol gosta de atuar no estádio (Bombonera), mas não podemos ter medo de impor nosso estilo de jogo”, afirmou ao site da FIFA.

Sobre a proximidade na tabela, Bravo foi claro ao dizer que o Chile não pode tropeçar fora de casa. No momento, a Argentina está em 5º lugar com 19 pontos ganhos, um a menos que a seleção chilena.

“Ninguém quer perder esse jogo e precisamos estar focados para se afastar da Argentina na tabela e ficar mais perto da Copa do Mundo”.

Dentro da La Bombonera, o goleiro Claudio Bravo apenas uma partida em 2004, quando ainda era goleiro do Colo-Colo e perdeu por 2 a 0. Será que dessa vez ele consegue a primeira vitória?