Em partida movimentada, Racing e Boca Juniors encerraram a rodada de domingo da Superliga Argentina e empataram por 2 a 2. Com o placar, o time de Avellaneda chega aos 20 pontos, na liderança. Enquanto isso, o Xeneize fica na sétima colocação, com 14 pontos.

Na próxima rodada, o Racing mede forças com o San Martín de Tucumán, fora de casa. Já o Boca encara o Rosario Central, na La Bombonera.

O jogo

Um começo de jogo avassalador. No canto da torcida, o Racing não tomou conhecimento e abriu o placar aos 6 minutos. Solari fez bela jogada e cruzou para Fernandéz, que chutou e a bola parou na defesa. Na sobra, Lisandro López mandou para o fundo das redes.

O gol inflamou ainda mais as arquibancadas do El Cilindro e que empurrava a equipe dentro de campo. Na chance principal, Cristal teve a chance de finalizar na grande área, mas o chute pegou na defesa e foi para fora.

Na reta final do primeiro tempo o Boca Juniors equilibrou as ações e chegou a assustar com Fernando Gago. O volante arriscou da entrada da área e Arias espalmou.

No segundo tempo o Racing voltou a comandar a partida. Seguro dentro de campo, os comandados de Coudet não deixavam o Boca respirar e o goleiro Rossi tinha trabalho.

Aos 20 minutos o time de Avellaneda ampliou. Cristaldo achou Lisandro López, que apenas deslocou Rossi e levou a torcida a loucura, 2 a 0.

Incomodado com a falta de ambição no ataque, Schelotto tirou Tevez e colocou Villa. O efeito foi imediato e o Boca começou a rondar a grande área do rival.

Quando o jogo se encaminhava para o fim, pesou a tradição e a camisa do Boca Juniors. Aos 36, Pavón arriscou, Arias bateu roupa e Ábila diminuiu. Cinco minutos depois, Ábila fez trabalho de pivô e achou Villa. O atacante recebeu na grande área e encheu o pé, 2 a 2.

Resultados de domingo

Banfield 2 x 0 San Lorenzo

Atlético Tucumán 0 x 0 Lanús

Rosario Central 0 x 4 Unión

Talleres 3 x 0 Belgrano