Montevideo-Wanderers-Cerro-Copa-Sul-Americana-Futebol-Latino-23-05
Foto: Divulgação/Conmebol

Vontade sobrou, mas o embate entre Montevidéu Wanderers e Cerro ficou mais na “briga” do que na técnica. Resultado? 0 a 0 no primeiro encontro entre as equipes no estádio Parque Alfredo Victor Viera pela Copa Sul-Americana.

Leia mais: Atacante do Boca Juniors volta a despertar o interesse de clube da Premier League
Mundial Sub-20: Em jogo movimentado, Equador e Japão ficam no empate

ASSIM NÃO, ZAGA!

A primeira oportunidade real de gol apareceu aos cinco minutos para o Wanderers quando a zaga do Cerro, através do lateral-direito Rodrigo Izquierdo, acabou dando uma furada na hora de afastar o perigo e Nicolás Albarracín chegou batendo em boa defesa de Rodrigo Formento. Quatro minutos depois, foi a vez do próprio goleiro do time visitante socar mal a bola e a zaga cerrista se salvar graças ao corte de Agustín Hernández.

LEVOU TODO MUNDO

A partida estava em ritmo mais “truncado” com a melhora na questão da posse de bola obtida pelo Cerro quando, em uma jogada individual, Facundo Peraza conseguiu finalmente quebrar as linhas defensivas do adversário em meio a dificuldade de formular lances baseados em tabelas e movimentação conjunta.

O camisa 7 partiu com habilidade deixando três marcadores para trás e, na hora de bater, o fez no único ângulo que podia e Ignacio De Arruabarrena apareceu bem para bloquear o chute para escanteio.

QUASE NIVELADOS

Mesmo com números em relação a posse de bola bem menor do que o adversário, o Cerro conseguiu trazer a partida para o seu ritmo, não necessariamente isso significando algo muito positivo. Isso porque, depois dos lances já citados, pouco foi acrescentado em chances mais perigosas e os 45 minutos iniciais no embate “caseiro” acabou sem gols.

CONTINUÍSMO

O jogo, no seu segundo tempo, seguiu com o mesmo ritmo que a partida já estava transcorrendo em boa parte da etapa inicial onde a posse de bola ficava mais com os Bohemios.

Todavia, faltava efetividade para transformar essa posse em lances mais perigosos enquanto o Cerro, como visitante, se preocupava mais em manter a igualdade sem gols com os cuidados defensivos do que conseguir superar seus graves problemas de armação e jogadas combinadas no plano ofensivo.

COMO FICA

Com a igualdade, quem vencer o próximo confronto que acontecerá no estádio Luis Franzini na próxima quinta-feira (30) avança para enfrentar o qualificado de Corinthians x Deportivo Lara. Enquanto somente a vitória interessa ao Cerro, qualquer empate com gols dá a vaga ao Wanderers.