COMPARTILHAR
em-situacoes-bem-diferentes-mexicanos-entram-em-campo-hoje-na-concachampions-Futebol-Latino-14-03
Foto: Dean Rutz/The Seattle Times

As únicas coisas nessa quarta-feira (14) de jogos pela Liga dos Campeões da Concacaf, a Concachampions, que une os arquirrivais América e Chivas é o torneio em disputa e o desejo de avançar as semifinais.

Leia mais: Negociação entre Grêmio e Sport por André está emperrada
Árbitro de Santos x Nacional tem histórico de suspensões no Paraguai

No mais, o panorama para conseguirem esse feito está extremamente calcado nos opostos onde, de um lado, as Águilas possuem uma tranquila vantagem mediante a pressão pelo resultado do Rebaño.

Na partida de ida, na Cidade do México, o time dourado dirigido pelo polêmico Miguel Herrera foi avassalador e impôs 4 a 0 diante dos panamenhos do Tauro FC, deixando a eliminatória muito bem encaminhada.

Hoje, às 21h no estádio Rommel Fernández, a equipe da casa precisará, além de uma atuação épica, ser o protagonista de uma quebra de tabu sustentado pelo América. Isso porque, há 16 partidas consecutivas, o clube mexicano não sabe o que é perder um jogo de Concachampions.

Já do lado do clube de Guadalajara, que receberá às 23h no estádio Akron os norte-americanos do Seattle Sounders, precisam correr atrás do prejuízo. Tendo perdido por 1 a 0 nos Estados Unidos, a equipe do técnico Mathías Almeyda precisa no mínimo igualar o marcador para levar a decisão para as penalidades.