COMPARTILHAR
emprestado-ao-la-coruna-valverde-quer-permanecer-no-clube-Futebol-Latino-10-05
Foto: Divulgação/Deportivo La Coruña

O sentimento é de um final melancólico de temporada no Deportivo La Coruña desde a confirmação do rebaixamento no campeonato espanhol. Mesmo para quem não tem seus direitos unicamente atrelados ao clube, caso do jovem meia uruguaio Federico Valverde.

Leia mais: Bolivianos falam em Nacional Potosi “matar ou morrer” na Sul-Americana
Jogador argentino é preso por suspeita de abuso sexual e morte do enteado

Indicando que se identificou bastante com a equipe, o jogador de 19 anos de idade que pertence ao Real Madrid avisou que quer jogar a segunda divisão nacional pelo La Coruña, mas que essa decisão não está unicamente em suas mãos.

“Oxalá eu possa ficar, mas sou jogador do Madrid e o Madrid vai decidir para onde tenho que ir”, pontuou em entrevista coletiva.

Com 24 partidas na temporada vindas na maioria das vezes do banco de reservas e nenhum gol ou assistência marcados, Valverde prefere não atribuir esse fato a qualquer outro integrante do clube que não seja a si mesmo.

Para ele, será necessário analisar o que ele mesmo poderia ter feito de melhor para obter mais minutos em campo ou mesmo melhorar seu desempenho:

“Pessoalmente, não tive os minutos porque não os mereci, tratei de melhorar dia a dia, lamentavelmente caímos e isso foi o mais duro para todos. Não vou colocar a culpa em ninguém, tenho que melhorar para o futuro. Olho para mim mesmo. Se não estou jogando é porque estou fazendo algo mal.”

Nos dois jogos que restam para fechar oficialmente a La Liga, o La Coruña jogará apenas para cumprir tabela no próximo sábado (12) diante do Villarreal em casa e, no dia 20 de maio, visita o Valencia no Mestalla.