Foto: Aton

*Por Juliano Rangel

Ídolo da torcida do Colo-Colo, o atacante chileno Esteban Paredes está perto de pendurar as chuteiras. O jogador, que recentemente lançou sua autobiografia, relatou que pretender deixar o futebol ao final de 2019.

Leia mais: Conmebol suspende a final da Copa Libertadores para o domingo (11)

Temporal castiga Buenos Aires e final da Libertadores está ameaçada

Em entrevista ao site chileno La Tercera, o atacante de 38 anos contou que a decisão foi pensada em conjunto com sua família. “O próximo é o meu último ano. Já conversei com minha família”, declarou o atacante.

Conhecido com Tanque, Paredes apareceu para o futebol no ano de 2000, atuando pelo Santiago Morning. Depois passou pelo Puerto Montt, Universidade Concepción, Pachuca, Cobreloa, Colo-Colo, Atlante e Querétaro.

Retornou ao Cacique em 2014, onde foi campeão chileno em 2009. Pelo Colo-Colo, Paredes está perto de se tornar o maior artilheiro do futebol chileno. Atualmente o atacante tem 210 gols marcados, cinco a menos que já falecido Francisco Valdés, que também atuou pelo Colo-Colo e marcou 215 gols em competições nacionais.