Foto: Aton

O campeonato chileno encerrou no último domingo com o título da Universidad Católica, mas um jogador em especial tem motivos para comemorar. Trata-se de Rafael Vaz, da Universidad de Chile, que entrou na seleção dos melhores jogadores do torneio.

Leia Mais: Junior Barranquilla divulga preço para sequência de finais
Miguel Almirón deve jogar na Premier League a partir de janeiro

Após um período de adaptação e amargar o banco de reservas, o ex-Flamengo ganhou espaço com a chegada do técnico Frank Kudelka e rapidamente se transformou em um dos melhores defensores do país.

Satisfeito pelo sucesso individual, o defensor espera que 2019 seja ainda mais positivo e que possa ajudar o time Azul Azul a levantar um troféu.

“Foi muito desafiador disputar um novo tipo de campeonato, num estilo de jogo diferente do que eu estava acostumado nos últimos anos. Fiquei bastante feliz pela minha rápida adaptação e por poder ter tido uma temporada positiva, tanto coletiva como individualmente. Esse prêmio reforça isso e me deixa orgulhoso demais. Espero que ano que vem eu possa seguir evoluindo e conquistando títulos”, disse.

Volta por cima

Antes de acertar sua ida para o futebol chileno, Rafael Vaz foi alvo de críticas no Flamengo, seu ex-clube. O defensor era contestado pela torcida Rubro-Negra, que não sentia confiança quando ele estava em campo e optou por deixar o clube no início de 2018.

Confira a Seleção do Campeonato Chileno

Goleiro: Matías Dituro (Universidad Católica)
Lateral Direito: Óscar Opazo (Colo-Colo)
Zagueiro Direito: Germán Lanaro (Universidad Católica)
Zagueiro Esquerdo: Rafael Vaz (Universidad de Chile)
Lateral Esquerdo: Ronald de La Fuente (Universidad Concepción)
Volante: Luciano Aued (Universidad Católica)
2º Volante: Fernando Manríquez (Universidad Concepción)
Armador: Diego Bounanotte (Universidad Católica)
Atacante Direito: Eduard Ballo (Antofagasta)
Atacante Esquerdo: Yeferson Soltedo (Universidad de Chile)
Atacante Central: Esteban Paredes (Colo-Colo)
Técnico: Beñat San José (Universidad Católica)