COMPARTILHE
(Foto: Divulgação CAM)

*Por Rodrigo Sturaro

Após acertar com o pentacampeão Edmilson como porta-voz e encaminhar a contratação do volante Kleberson, o Las Vegas United anunciou na noite da última terça (14) o atacante Araújo, ex-Atlético-MG e Goiás, como novo reforço da equipe para a disputa da Liga UPSL 2017. O último time do jogador foi o Central, de Caruaru, com quem a equipe americana fechou uma parceria de intercâmbio.

Leia mais: Álvaro Recoba promete lutar pela presidência do Nacional
Fernando Prass lança livro sobre sua vida em São Paulo

Maior artilheiro da história do Goiás, com 145 gols, Araújo chega no Las Vegas United para ser a principal referência da equipe na competição. A contratação é vista com bons olhos em termos de experiência, já que o time americano é formado por muitos jogadores jovens, com grande futuro pela frente.

“Está sendo um sonho fechar com o Las Vegas United. É um clube como uma estrutura fantástica, em uma cidade belíssima. Sempre quis jogar nos Estados Unidos e hoje estou realizando esse sonho. Chego para somar e ajudar muito o clube com a minha experiência no futebol”, afirmou Araújo.

Aos 39 anos, Araújo diz ter muito a contribuir com o futebol e para isso se espelha em Zé Roberto, que continua jogando em alto nível pelo Palmeiras com 42 anos. O atacante prometeu dar o máxima para seguir marcando muitos gols, agora, com a camisa dos Las Vegas United.

“Prefiro não prometer um número exato de gols. Espero balançar as redes em muitas oportunidades durante a minha passagem pelo clube, mas o que o torcedor pode ter certeza é que darei o máximo de mim como jogador. Espero dar muitas alegrias e contribuir com a evolução da agremiação”, falou o artilheiro.

Araújo negocia ainda com o Las Vegas um jogo de despedida. O atacante não fala em pendurar as chuteiras, mas quer encerrar sua participação na equipe americana – após o término da Liga UPSL – em um belo jogo, este contra o Central, sua ex-equipe.

“Por enquanto será apenas uma despedida. No futebol tudo pode acontecer, então precisamos deixar as portas sempre abertas. Mas vou pensar nisso só depois. Agora quero saber apenas em fazer bons jogos pelo Las Vegas”, finalizou.

Araújo começou a carreira no Goiás, onde ficou marcado pelo trio de sucesso formado com Dimba e Grafite. As boas atuações o levaram para a Seleção Brasileira Sub-23 e, posteriormente, para o Japão. Foi campeão no país asiático e maior artilheiro do Mundo, com 33 gols, antes de retornar ao Brasil para defender as cores do Cruzeiro.

Na Raposa, continuou com faro de gol, levou o Campeonato Mineiro de 2006 e a artilharia, com 17 gols, na temporada seguinte. Passou ainda pelos Emirados Árabes, Fluminense, Náutico e Atlético-MG. No Galo, participou do elenco campeão da Copa Libertadores da América, ao lado de jogadores como Ronaldinho Gaúcho, Jô e Bernard.

Em 2013, retornou com status de ídolo ao Goiás, se despedindo da equipe no ano seguinte. Teve uma rápida passagem pelo Cherno More, da Bulgária, antes de ajudar o Central a conquistar uma vaga na Série D do Brasileiro. Pela Seleção Brasileira principal, foi convocado para um amistoso contra a Rússia, em 1998.