COMPARTILHE
(Foto: Clarín)

*Por Rodrigo Sturaro

Apesar do razoável início de temporada do Boca Juniors, com 11 pontos em seis jogos e a quarta posição no Campeonato Argentino, algumas polêmicas extra-campo vem desagradando jogadores, comissão técnica e torcedores.

Leia mais: Ídolo do San Lorenzo afirma que Valdívia é mais craque que Vidal: “Não tem nem comparação”

Por atrasos no pagamento de salário, clube corre risco de ser rebaixado no Equador

A bola da vez no clube argentino é Ricardo Centurión, ex-atacante do São Paulo, que teve algumas fotos íntimas vazadas na internet. A situação fez com que torcedores do Boca Juniors aparecessem no treino da equipe para cobrar uma postura mais profissional do atacante.

A mídia argentina aponta que Centurión enviou as fotos após participar de uma balada até altas horas na cidade de Buenos Aires. Um dos jogadores que desaprovaram a atitude do companheiro foi o experiente Carlos Tevez.

“Existe momentos e momentos. Se o Boca está bem, ganhando tudo, eles são jovens e até podem sair. Mas quando o resultado não vem, a torcida naõ aceita ver seus jogadores na balada. Se quer fazer besteira, que faça entra quatro paredes, onde ninguém vai saber. Não tem necessidade de se expor quando a equipe não está bem”, afirmou Tevez, que alertou os jogadores para que isso não volte a se repetir.

“Quando comecei a jogar eu também saía, porém não existiam tantos celulares e nem tanta mídia. Muitas vezes, você tem que entender que os tempos são outros e que quando alguém sai não precisa se expor tanto, ainda mais aqui que o “Mundo Boca” te devora”, disse o camisa 10 do Boca Juniors.

O presidente do clube, Daniel Angelici, demonstrou muita insatisfação com o caso, porém ainda não manifestou publicamente se Centurión será punido.