COMPARTILHE
ex-presidente-adversario-mexicano-preso-acusado-corrupcao-Futebol-Latino-19-06
Foto: Nuno Ferreira Santos

Uma informação que deve abalar as estruturas do futebol em Portugal tanto quanto a decisão do astro Cristiano Ronaldo em querer deixar o Real Madrid veio a tona nessa segunda-feira (19). Isso porque foi preso na região do Porto o ex-mandatário e atual vice-presidente da Federação Portuguesa de Futebol (FPF), Hermínio Loureiro.

Leia mais: Atlético Nacional goleia Deportivo Cali e fica com o título Colombiano
Juan Antonio Pizzi elogia postura do Chile contra Camarões

De acordo com as informações do jornal luso Record, as principais acusações que terá de responder o político envolvido também no mundo do futebol são de corrupção ativa, passiva, prevaricação, peculato e tráfico de influência.

A prisão de Hermínio faz parte de uma grande investigação dirigida pela Polícia Judiciária do país europeu batizada de “Ajuste Secreto”. Além do cartola, outras seis pessoas foram detidas em meio a buscas realizadas em cinco Câmaras Municipais e a clubes de futebol nas redondezas da região da cidade do Porto.

Além dos cargos na federação portuguesa, Hermínio ocupou diversos cargos essencialmente na região de Aveiro e também de Oliveira dos Azeméis, tendo exercido até dezembro de 2016 o cargo de presidente da Câmara Municipal de Oliveira dos Azeméis quando apresentou sua renúncia.