COMPARTILHAR
fenomeno-garante-que-em-sua-epoca-era-mais-dificil-ser-o-melhor-do-mundo-Futebol-Latino-04-01
Foto: Getty Images

As comparações entre o poderio dos principais jogadores da atualidade como Lionel Messi e Cristiano Ronaldo com grandes nomes do passado é recorrente. Porém, segundo o que declarou recentemente o ex-jogador Ronaldo Fenômeno, existe um nível diferente de dificuldade hoje em comparação ao seu tempo.

Leia mais: Sem clube, Patrice Evra é oferecido a gigante sul-americano
Campeão da Sul-Americana faz proposta para levar lateral da Universidad de Chile

Em entrevista que deu ao portal alemão Sport Bild, o hoje empresário inserido também na área esportiva e vencedor do prêmio em 1996, 1997 e 2002 alegou que a concorrência para estar na posição em que o argentino e o português ocupam era mais acirrada nos tempos em que ele atuava:

“Na minha geração, a competição era muito maior do que agora. Sem querer menosprezar o Messi ou o Cristiano Ronaldo menos ainda, lutarão pelo título de melhor do mundo nos próximos anos, mas na minha época estávamos Zidane, Rivaldo, Figo, eu e logo depois Ronaldinho. Essa foi uma geração onde ser o melhor era muito mais difícil.”

Assim como já havia dito também em outra entrevista, Ronaldo voltou a comentar sobre a ida de Neymar para o Paris Saint-Germain fazendo uma comparação com o que aconteceu com ele mesmo quando deixou o Barcelona rumo a Internazionale:

“Não sei o que aconteceu na sua transferência, talvez tenha havido um problema com a presidência do Barcelona como já aconteceu comigo.”