filhos-de-ex-jogador-de-futsal-xoxo-entram-na-base-do-cerro-porteno-Futebol-Latino-08-08
Foto: Divulgação

A vinda de jogadores do Paraguai para o Brasil é uma movimentação cada vez mais comum, mas o caminho inverso não é tão corriqueiro. Mesmo assim, dois jovens promissores que tem o esporte vindo de maneira hereditária no seu DNA acertaram com o Cerro Porteño: Hector e Herick, filhos do ex-atleta de futsal da Seleção Brasileira, Xoxo.

Leia mais: Ídolo do River Plate revela que gostaria de encerrar a carreira em outro time da América
Em entrevista coletiva, Valdívia bate boca com jornalista

“Eles vieram a convite do clube. Ficaram uma semana em observação e foram aprovados na equipe de campo do Cerro Porteño. Hector é Sub-14 e Herick é Sub-13. Ambos são canhotos e jogam no meio campo e no ataque. Estamos regularizando a situação deles aqui no país”, explicou o pai dos meninos da base do clube onde, há alguns anos, despontava para o futebol outra dupla de irmãos jogadores: Ángel e Óscar Romero, hoje no San Lorenzo.

Xoxo ainda disse que ambos estão há cerca de uma semana passando pelo processo de adaptação e também contou um pouco da trajetória que ambos já tiveram dentro do futebol:

“Já estão morando em Assunção, treinam todos os dias da semana. Estavam no Juventude, antes de virem para o Paraguai. Passaram nas escolinhas de Inter e Grêmio.”

Xoxo tem uma escolinha de futsal e também de futebol de campo na cidade de Jaraguá do Sul, a Xoxo10. Agora empreendedor, o ex-atleta aposentou em 2012, jogando pelo Malwee Jaraguá. No currículo tem passagens, além da Seleção, por Assoeva, Lazio (Itália), entre outros clubes.