SHARE
Foto: Twitter Flamengo

Após estar perdendo pelo placar 3 a 1, o Flamengo conseguiu chegar ao empate de 3 a 3 com o Fluminense, na noite desta quarta-feira (01), e avançou para as semifinais da Copa Sul-Americana.

O jogo

Quem imaginava um Fluminense pressionando e buscando abrir o placar já nos primeiros minutos de jogo acertou na mosca. Logo aos dois minutos, o atacante Marcos Júnior recebeu uma bola antes da intermediária e viu o lateral Lucas, que avançava para entrada da área, e tocou para o camisa dois acertar uma bola no ângulo esquerdo do goleiro Diego Alves.

Na sequência o Flamengo tentou responder num chute de Willian Arão, mas foi aos oito minutos que o rubro-negro chegou ao gol de empate. Após uma falta sofrida por Diego, o próprio camisa dez foi para cobrança e acertou a bola no canto superior esquerdo do gol de Cavalieri.

Com o placar igualado, o jogo que estava em uma crescente começou a cair de produção e número de faltas e, consequentemente, de cartões amarelos começou a aumentar. No total, foram dois cartões amarelos para cada lado.

Aos 31 minutos uma nova chance de gol para o Fluminense surgiu na cabeça de Renato Chaves, após cobrança de escanteio de Gustavo Scarpa, mas o goleiro Diego Alves conseguiu defender.

Nove minutos mais tarde, aos 40 minutos, em uma jogada que parecia mais um replay da tentativa anterior, o tricolor chegou ao seu segundo gol com Renato Chaves. O gol fez o Flamengo buscar um novo empate, mas a primeira etapa foi encerrada pelo árbitro argentino Patricio Loustau.

No segundo tempo, o cenário era de ataque do Flamengo e recuo do Fluminense. Mesmo com a pressão rubro-negra, quem mexeu no placar foi o tricolor carioca, novamente com a dupla Gustavo Scarpa e Renato Chaves.

Aos nove minutos, em uma cobrança de falta do camisa dez do Fluminense, o zagueiro subiu mais alta que a zaga do Flamengo e mandou para o gol. Na sequência, o Flamengo tentou responder com Diego que não alcançou o cruzamento de Pará.

Aos 23 minutos, o Flamengo chegou ao seu segundo gol. Após receber a bola de costas para entrada da área, Éverton Ribeiro, com um toque de calcanhar, encontrou Felipe Vizeu que mandou para as redes. Em seguida, o Flamengo ainda pediu pênalti em Diego num lance dentro da área com Richard, mas o árbitro mandou o jogo seguir.

A pressão rubro-negra resultou no gol de empate – placar que dava novamente a classificação para equipe -, aos 38 minutos, após uma cobrança de falta de Pará, que Willian Arão, de cabeça, mandou para o gol.

O Fluminense ainda tentou se colocar, novamente, a frente do placar, mas acabou não levando perigo e viu o árbitro encerrar a partida com o empate em 3 a 3.

Semifinal

Com o empate – agregado a vitória por 1 a 0 no jogo de ida – o Flamengo se classifica para as semifinais da Copa Sul-Americana, na qual enfrentará o vencedor de Junior Barranquilla e Sport, que jogam o confronto de volta nesta quinta-feira (02), às 22h45, no Estádio Metropolitano Roberto Meléndez, na Colômbia. No jogo de ida, vitória da equipe colombiana por 2 a 0.